Comissão Arquidiocesana de Catequese oferece curso sobre o Novo Diretório Geral de Catequese | Arquidiocese de Fortaleza
Atualidades

Comissão Arquidiocesana de Catequese oferece curso sobre o Novo Diretório Geral de Catequese

A Comissão Arquidiocesana de Catequese da Arquidiocese de Fortaleza em parceria com Paulus Livraria de Fortaleza, realizará uma formação sobre o Novo Diretório para a Catequese, objetivando proporcionar aos catequistas um aprofundamento deste novo documento do Pontifício Conselho para a promoção da Nova Evangelização.

Na formação será trabalhado as três partes que compõe o Novo Diretório. Nesse sentido, a Comissão Arquidiocesana de Catequese, vem por meio desta solicitar a colaboração na divulgação e preenchimento das inscrições dos seus catequistas no curso sobre o Novo Diretório para a Catequese.

Datas: 04, 11, 18 e 25 de setembro (sextas-feiras)

Horário: 19h – 20h

Assessor: Altierez dos Santos – Doutorando em Ciências da Religião e consultor de catequese.

Investimento: R$ 30,00 com direito ao Diretório e a agenda catequética de 2021.

As inscrições poderão ser feitas nas secretarias paroquiais e livraria Paulus – Fortaleza. 

Paulus Livraria: R. Floriano Peixoto, 523 – Centro, Fortaleza – CE.

Maiores informações Livraria Paulus 85 32524201 ou Hilda 85 99712-6331

Coordenação Arquidiocesana de Catequese e articuladores das Regiões Episcopais.

4 Comentários »

4 Comentários »

  • Francisco Silveira disse:

    Muito bom, todos devem participar
    .

  • Rosa Helena disse:

    Esse curso sera na modalidade virtual ?

  • André Paz disse:

    Muito boa formação. Gostaria que houvessem possibilidades dessas mais vezes. E que pudesse ter diferentes cursos a depender do nível de conhecimento dos catequistas. Pois se por um lado a maioria dos catequistas não tem nível superior ou aproximação com os documentos da igreja, se houvesse uma proposta para aqueles que ou tem nível superior ou tem conhecimento dos documentos da igreja, ou os dois, pudessem ter uma linguagem mais aprofundada para que o tempo investido tenha o máximo de produtividade e retorno em novos conhecimentos. Infelizmente quando é tudo junto (como sempre tem sido), o formador passa mais tempo em questões menos complexas.
    Não é uma reclamação desse curso. Amei o primeiro encontro. Mas sugiro que a comissão possa pensar em criar um grupo de multiplicadores para estudar e repassar formações.


Deixe seu Comentário

Nome (necessário)

E-mail (não será publicado) (necessário)

Website

Atualidades

Paróquia de Itapebuçu realiza Novenário e Festa em honra a São Miguel

Relato do Ciclo de Estudos e Formação, em continuidade com a CF 2020, realizado em agosto

Paróquia da Bela Vista, em Fortaleza, celebra 68ª Festa de Nossa Senhora de Salette

Os desafios da Igreja em tempos de crise – Com Rosa Maria (Arquidiocese de Fortaleza)

Combate ao suicídio