A Arquidiocese de Fortaleza lança nota de esclarecimento sobre a nova fase de prevenção contra a Covid-19 - Arquidiocese de Fortaleza
Atualidades

A Arquidiocese de Fortaleza lança nota de esclarecimento sobre a nova fase de prevenção contra a Covid-19

NOTA DE ESCLARECIMENTO 

Segundo o Decreto Nº 34.199, de 21 de agosto de 2021, a Igreja podia realizar atividades presenciais com até 70% da capacidade de público. O novo Decreto Nº 34.298, de 16 de outubro de 2021, também do Governado do Estado do Ceará, apresenta avanço na flexibilização, a saber: 

§ 2º As instituições religiosas poderão realizar celebrações presenciais, com capacidade adequada que possibilite a observância do distanciamento social e das demais regras estabelecidas em protocolos sanitários.

Diante desta nova fase na prevenção contra o  Coronavírus, a Arquidiocese de Fortaleza esclarece que nas celebrações, nas atividades e reuniões pastorais e de grupos, os fiéis sejam acolhidos de forma que se possa garantir a observação dos protocolos sanitários governamentais e de cada município, incluindo o distanciamento social. Portanto, cada responsável pelos espaços celebrativos e pastorais, deve avaliar, com bom senso, como recepcionar os fiéis com segurança.  

A Arquidiocese de Fortaleza mais uma vez lamenta e assegura orações pelas vítimas da pandemia e suas consequências, ao mesmo tempo que se alegra com a notícia da redução da média de óbitos pela Covid-19,  tendendo a quase zero, segundo Boletim Epidemiológico divulgado pela Prefeitura de Fortaleza. 

Rogando a proteção de São José e de Nossa Senhora da Assunção.

Fortaleza, 20 de outubro de 2021.

Pe. Watson Holanda Façanha 
Coordenação Arquidiocesana de Pastoral.

2 Comentários »

2 Comentários »

  • Católica disse:

    Um absurdo que os pastores tem feito com os fiéis, nos ônibus, nos bares, nas praias tudo segue normal, e pela primeira vez em que podemos voltar ao 100% revogaram essa decisão sobre o preceito de proteger a vida, temo mais quem pode matar a alma do que quem pode matar o corpo. Esse também deveria ser o vosso temor. Muito importa proteger a vida terrena mas que esse cuidado não seja superior que o cuidado com a vida eterna. É certo que todos morreremos, podem até durar 80 anos a nossa vida, mas a vida após a morte é o que realmente importa
    Nesse tempo todo de pandemia fomos privados dos sacramentos, da participação da missa (virtual nunca substituí o presencial), privados da expressão dos atos religiosos, é grave essa conduta, é grave a politicagem de quem tem se aproveitado desse tempo, É MELHOR UMA IGREJA ACIDENTADA MAS ABERTA, UMA IGREJA COMO UM HOSPITAL DE CAMPANHA DO QUE UMA IGREJA FECHADA EM SI MESMA. Deixem o povo que quer Deus encontrá-lo

  • Francisco Claudino disse:

    Certíssimo continuar com a precaução. Se os outros não seguem problema deles. Devemos seguir os bons exemplos e deixar de tumultuar. Quem obedece nunca erra.


Deixe seu Comentário

Nome (necessário)

E-mail (não será publicado) (necessário)

Website

Atualidades

Dom José Antonio inaugura Centro de Pastoral na Paróquia Jesus, Maria, José no Antônio Bezerra

Clero de Fortaleza realiza Semana de Formação online

Jubileu de 75 anos da Paróquia Jesus, Maria, José no bairro Antônio Bezerra, Fortaleza

Catedral Metropolitana de Fortaleza celebra 42 anos de inauguração

Programação das Missas de Natal e Ano Novo em algumas paróquias da Arquidiocese de Fortaleza

Paróquia São José realiza a Live Natal da Esperança

Santuário de Canindé divulga programação natalina

Pe. Ermanno Allegri: pastor missionário, celebra 50 anos de Ordenação Presbiteral

12ª Festa da Vida: cuidar e celebrar a vida: desafio e compromisso

Dom Rosalvo toma posse na Diocese de Itapipoca

Há 150 anos, Santa Luzia ilumina Baturité

Paroquianos de São Gonçalo celebram novenário ao Padroeiro

Membros da Pascom são apresentados solenemente na Matriz do Pirambu

Nota de repúdio da Pastoral Carcerária contra agressões sofridas durante manifestação do Dia da Consciência Negra

Na Solenidade de Cristo Rei: novos presbíteros para a Igreja do Senhor

Testemunhas da Eucaristia: tema da 82ª Semana Eucarística

Cordel celebrativo: 105 anos da Arquidiocese de Fortaleza

Horários de missas no Dia de Finados

Legado de Irmã Clemência é retratado em Seminário Internacional

Retiro prepara Diáconos para ordenação sacerdotal

Live formativa aborda temática da Campanha para a Evangelização 2021

juJuventude região São José

Juventude da Região Episcopal São José se reúne para encontro de espiritualidade

Assembleia Regional da Pastoral Vocacional/Serviço de Animação Vocacional é realizada em Caucaia

“Sinodalidade o caminhar do povo de Deus” em comunhão, participação e missão