Papa Francisco eleva diocese de Santarém a arquidiocese e nomeia arcebispo | Arquidiocese de Fortaleza
Atualidades

Papa Francisco eleva diocese de Santarém a arquidiocese e nomeia arcebispo

O Papa Francisco erigiu, nesta quarta-feira, 5 de junho, a Província Eclesiástica de Santarém (PA). Com este ato, elevou a então diocese paraense a sede Metropolita. Foi nomeado como primeiro arcebispo da arquidiocese de Santarém (PA) dom Irineu Roman, até então bispo titular de “Sertei” e auxiliar da arquidiocese de Belém do Pará (PA).

A nova Província Eclesiástica terá como sufragâneas a diocese de Óbidos (PA), a prelazia de Itaituba (PA), a nova diocese do Xingu-Altamira (PA) e a nova prelazia de Alto Xingu-Tucumã (PA), criadas neste mesmo dia.

Catedral de Santarém (PA) | Foto: Dom Wilmar Santin

A Igreja Particular de Santarém foi erigida canonicamente como prelazia territorial de Santarém, em 21 de setembro de 1903, com territórios desmembrados da então diocese de Belém do Pará. A elevação a diocese foi em 16 de outubro de 1979, por São João Paulo II.

O território se estende por 171.906 quilômetros quadrados. São 23 paróquias, 18 áreas pastorais e duas áreas missionárias distribuídas nos municípios de Almeirim, Aveiro, Belterra, Mojuí dos Campos, Monte Alegre, Monte Dourado e Prainha, todos no estado do Pará.

Santarém será, a partir de agora, a segunda arquidiocese no regional Norte 2 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil.

Dom Irineu Roman

O arcebispo da nova diocese paraense é dom Irineu Roman. Nomeado pelo Papa Francisco nesta quarta-feira, o prelado é natural de Vista Alegre do Prata (RS). Nasceu no dia 10 de agosto de 1958. Religioso da Congregação de São José – Josefinos de Murialdo, foi ordenado presbítero em 1º de janeiro de 1990 e bispo em 19 de março de 2014.

Dom Irineu é atualmente bispo referencial da Pastoral do Turismo e secretário do regional Norte 2 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).

Saudação a dom Irineu Roman

Estimado irmão, Dom Irineu Roman, e todo o Povo de Deus da Arquidiocese de Santarém,

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) alegra-se com a decisão do Papa Francisco de elevar a Igreja Particular de Santarém (PA) à categoria de arquidiocese. Aproveitamos para agradecer de forma especial o apreço do Santo Padre com a Igreja no Brasil e seu cuidado com os novos caminhos para a Igreja na Amazônia.

Com a motivação sinodal queremos recordar a fala do Papa Francisco sobre o chamado missionário: “«a Igreja não pode de modo algum limitar-se a uma pastoral de “manutenção” para aqueles que já conhecem o Evangelho de Cristo. O ardor missionário é um sinal claro da maturidade de uma comunidade eclesial» (Bento XVI, Exort. ap. pós-sinodal Verbum Domini, 95). Porque a Igreja está sempre em caminho, sempre em saída; nunca fechada em si mesma. Jesus veio trazer à terra, não a brisa da tarde, mas o fogo”.

Impulsionados à missão, nos novos caminhos preparados pelo Espírito Santo, desejamos a dom Irineu um frutuoso ministério à frente do governo pastoral da nova arquidiocese. Aos fiéis, religiosos (as) e ao clero de Santarém, saudamos este novo tempo de graça, rumo ao Reino definitivo.

Em Cristo,

Dom Walmor Oliveira de Azevedo
Arcebispo de Belo Horizonte (MG)
Presidente da CNBB

Dom Jaime Spengler
Arcebispo de Porto Alegre (RS)
Primeiro Vice-Presidente da CNBB

Dom Mário Antônio da Silva
Bispo de Roraima (RR)
Segundo Vice-Presidente

Dom Joel Portella Amado
Bispo Auxiliar de São Sebastião do Rio de Janeiro (RJ)
Secretário-geral da CNBB

Seja o primeiro a comentar »

Seja o primeiro a comentar »


Deixe seu Comentário

Nome (necessário)

E-mail (não será publicado) (necessário)

Website

Atualidades

Pontifícias Obras Missionárias lançam pesquisa sobre Campanha Missionária 2019

Igreja de Fortaleza realiza Assembleia Arquidiocesana de Pastoral

Editorial – novembro 2019: “Dia mundial do pobre”

Agenda do Arcebispo: Dezembro 2019

Decretos e Provisões – outubro 2019