Meditação do XIII Domingo do Tempo do Comum - (Mt 10,37-42) - Arquidiocese de Fortaleza
Atualidades

Meditação do XIII Domingo do Tempo do Comum – (Mt 10,37-42)

Queridos irmãos em Cristo!

Deus nos acolhe em seu amor e caminha sempre conosco convidando-nos a uma escolha fundamental, uma opção radical pela felicidade, pela vida plena a fim de cantarmos eternamente o seu amor de geração em geração!

A hospitalidade como traço da presença de Deus transforma tanto quem acolhe quanto quem é acolhido, ou seja, todo e qualquer ato de acolhimento não fica sem uma justa medida de gratuidade e de recompensa. A primeira leitura é um clássico exemplo disto que estamos refletindo, quando Eliseu ao hospedar-se na casa de uma senhora proclama a bênção de deus sobre a vida daquela mulher: “daqui a um ano, neste tempo, estarás com um filho nos braços”!(2 Rs4,16)

Acolher a vida nova que o Senhor nos propõe é algo que o fazemos, na fé de nossos pais e padrinhos, desde o nosso batismo e que aos poucos, em nossa iniciação cristã vamos consolidando. Morrer para o pecado e viver para a vida da graça é a tarefa de cada um de nós, por meio de um continuado processo de conversão na vivência da oração pessoal, leitura e meditação da Palavra, na ação pastoral e comunitária. Todavia a vida de pecado continuará a nos propor o outro caminho, muitas vezes bem mais largo, mais fácil e mais encantador. Caberá a nós “considerar-nos mortos para o pecado e vivos para Deus em Jesus Cristo” (Rm 6,11).

A opção que fazemos por Jesus não cabe meio termos. Será sempre uma tomada radical de atitude de nossa parte, pois ao acolhermos o Senhor em nossas vidas deveremos, inclusive, converter a nossa forma de amar até os nossos mais próximos, como os nossos familiares e filhos. Jesus inclusive nos mostra qual deve ser o nosso modelo de amor e de acolhimento: a cruz!

O seguimento do Senhor passará primordialmente pela tomada da cruz como forma de amor radical a todos, em especial aos pequeninos, pobres e excluídos, aos quais preferencialmente Ele veio. Notemos que o chamado que Jesus nos faz não será do tipo: “Siga-me e pegue a sua cruz”! Mas é justamente o inverso: “Se você é capaz de tomar a sua cruz, acolhê-la e amá-la como eu fiz, então, pode me seguir”!

Em Jesus, o Bom Pastor e no Imaculado coração de Maria.
Pe. Fernando Antonio Carvalho Costa

 

Seja o primeiro a comentar »

Seja o primeiro a comentar »


Deixe seu Comentário

Nome (necessário)

E-mail (não será publicado) (necessário)

Website

Atualidades

Dom José Antonio inaugura Centro de Pastoral na Paróquia Jesus, Maria, José no Antônio Bezerra

Clero de Fortaleza realiza Semana de Formação online

Jubileu de 75 anos da Paróquia Jesus, Maria, José no bairro Antônio Bezerra, Fortaleza

Catedral Metropolitana de Fortaleza celebra 42 anos de inauguração

Programação das Missas de Natal e Ano Novo em algumas paróquias da Arquidiocese de Fortaleza

Paróquia São José realiza a Live Natal da Esperança

Santuário de Canindé divulga programação natalina

Pe. Ermanno Allegri: pastor missionário, celebra 50 anos de Ordenação Presbiteral

12ª Festa da Vida: cuidar e celebrar a vida: desafio e compromisso

Dom Rosalvo toma posse na Diocese de Itapipoca

Há 150 anos, Santa Luzia ilumina Baturité

Paroquianos de São Gonçalo celebram novenário ao Padroeiro

Membros da Pascom são apresentados solenemente na Matriz do Pirambu

Nota de repúdio da Pastoral Carcerária contra agressões sofridas durante manifestação do Dia da Consciência Negra

Na Solenidade de Cristo Rei: novos presbíteros para a Igreja do Senhor

Testemunhas da Eucaristia: tema da 82ª Semana Eucarística

Cordel celebrativo: 105 anos da Arquidiocese de Fortaleza

Horários de missas no Dia de Finados

Legado de Irmã Clemência é retratado em Seminário Internacional

Padre da Arquidiocese de Fortaleza recebe bênção do Papa Francisco

Retiro prepara Diáconos para ordenação sacerdotal

Live formativa aborda temática da Campanha para a Evangelização 2021

juJuventude região São José

Juventude da Região Episcopal São José se reúne para encontro de espiritualidade

Assembleia Regional da Pastoral Vocacional/Serviço de Animação Vocacional é realizada em Caucaia