Caminhada Penitencial

Tudo sobre a 13ª Caminhada Penitencial

CNBB recebe em sua sede bispos recém nomeados na 33ª edição do encontro de novos bispos

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) acolhe em sua sede em Brasília (DF) de 27 de fevereiro a 3 de março, a 33ª edição do Encontro de Novos Bispos, organizado pela Comissão Episcopal para os Ministérios Ordenados e a Vida Consagrada. Desta vez, o encontro reúne os 17 dos 19 bispos que foram nomeados pelo Papa Francisco a partir do segundo semestre de 2021 até o final do ano passado.

Dom Joel apresenta a CNBB aos novos bispos. | Fotos: Ascom CNBB

Na manhã deste primeiro dia, os participantes estão sendo apresentados à história, a forma como está organizada, a teologia e os desafios atuais da Conferência.

Quem conduziu a reflexão foram o bispo-auxiliar do Rio de Janeiro (RJ) e secretário-geral da CNBB, dom Joel Portella Amado, e o arcebispo de São Paulo, cardeal dom Odilo Scherer, que representa a entidade no Conselho Episcopal Latino-Americano (Celam).

O presidente da Comissão para os Ministérios Ordenados e a Vida Consagrada da CNBB, dom João Francisco Salm reforçou que o objetivo do encontro é integrar os novos bispos na dinâmica e na vida da Conferência, promovendo a comunhão e a colegialidade no serviço à Igreja no Brasil.

O arcebispo de Belo Horizonte (MG) e presidente da CNBB, dom Walmor Oliveira de Azevedo, presidiu a celebração de abertura do encontro. Dom Walmor manifestou alegria de participar do encontro com os bispos nomeados pelo Papa Francisco recentemente.

Comunhão com irmãos

Um dos participantes, é o monsenhor Reginei José Modolo nomeado em 7 de dezembro do ano passado como bispo auxiliar na arquidiocese de Curitiba (PR). O reverendo faz parte do clero de Cascavel (PR) e, até então, exerceu o ministério de pároco na Catedral Nossa Senhora Aparecida, em Cascavel. Ele disse sentir-se bem acolhido na comunhão com os outros irmãos bispos para esta nova missão que está assumindo na Igreja no Brasil.

“Espero, neste encontro, conhecer, partilhar e estudar sobre o que é a vida de um bispo como membro da CNBB”, disse.

Programação 

27 de fevereiro
– 7h – Celebração Eucarística
– 8h30 – Acolhida e apresentação da CNBB, conversa com os assessores e visita aos setores, com dom Joel Portella, secretário-geral da CNBB
– 10h25 – A Teologia da Conferência e seus desafios atuais, com cardeal Odilo Scherer, arcebispo de São Paulo
– 14H45 – O bispo e sua missão hoje, com o arcebispo de Porto Alegre (RS) e primeiro-vice presidente da CNBB, dom Jaime Spengler
– 18h – Vésperas
– 20h – Partilha de Experiências

28 de fevereiro
7h – Celebração Eucarística com laudes
8h30 – Visitas à Edições CNBB, CCM, Casa de Formação dom Luciano e Pontifícias Obras Missionárias
14h30 – Hora média
14h45 – Direito Canônico, com o bispo de Ribeirão Preto (SP) e presidente da Comissão de Redação, dom Moacir Silva
18h – Vésperas
20h – Partilha de Experiências

1º de março
7h – Laudes
8h – Relações institucionais, com o assessor político da CNBB, padre Paulo Renato
10h30 – Visita à ao Núncio Apostólico no Brasil, dom Giambattista Diquattro
12h – Celebração Eucarística na Nunciatura Apostólica no Brasil
15h30 – Projeto Comunhão e Partilha
17h – Fundo Nacional de Solidariedade, com o subsecretário-adjunto geral, padre Patriky Samuel Batista
18h – Vésperas
20h – Partilha de Experiências

2 de março
7h  – Celebração Eucarística com Laudes
8h30 – Gestão Eclesial com o monsenhor Nereudo Freire Henrique e José Luna
14h30 – Hora Média
14h45  – Assuntos jurídicos com o advogado da CNBB, doutor Hugo Saruby
16h30 – Proteção de menores, com o bispo auxiliar de Brasília, dom José Aparecido
18h – Vésperas
19h – Confraternização

3 de março
7h – Celebração Eucarística com Laudes
8h30 – Liturgia, com o bispo de Paranaguá (PR) e presidente da Comissão de Liturgia, dom Edmar Perón
12h – Almoço

Fonte: CNBB

Faça a sua pesquisa

Os cookies nos ajudam a entregar nossos serviços. Ao usar nossos serviços, você aceita nosso uso de cookies. Descubra mais