Reflexão para o XVIII Domingo do Tempo Comum | Arquidiocese de Fortaleza
Atualidades

Reflexão para o XVIII Domingo do Tempo Comum

“O Homem busca a face de Deus, a comunhão eterna com o Outro. Só isso o sacia, só isso lhe dará a perenidade que é desejada na profundidade de seu ser. Abrir-se ao outro é abrir-se a Deus, é abrir-se à felicidade eterna.”

Padre César Augusto dos Santos – Cidade do Vaticano

“Um homem que trabalhou com inteligência, competência e sucesso vê-se obrigado a deixar tudo em herança a outro que em nada colaborou. Também isso é ilusão e grande desgraça” – nos diz Coélet, autor do Eclesiastes. E a solução proposta por ele é comer, divertir-se, enfim um moderado aproveitamento de tudo o que a vida oferece.

Ouça e compartilhe!

Compartilhe

Subir

Seja o primeiro a comentar »

Seja o primeiro a comentar »


Deixe seu Comentário

Nome (necessário)

E-mail (não será publicado) (necessário)

Website

Atualidades

Cadastramento biométrico eleitoral

Igreja no Brasil trabalha para o desenvolvimento e promoção de uma cultura vocacional

Irmã Maria Inês pede para que se reze pela valorização da presença das religiosas na Igreja

Papa: que Nossa Senhora nos ajude a ser santos e a ter uma fé forte e alegre

Nada de obstáculo em Maria


QR Code Business Card