Atualidades

Pastoral do Migrante Seminário de Mobilidade Humana

No dia 21 de agosto de 2018, aconteceu o XII Seminário da Mobilidade Humana, organizado pela Pastoral do Migrante da Arquidiocese de Fortaleza -CE.  Foi realizado na modalidade de Minicurso sobre Migrações e Direitos Humanos, um dos temas inserido no V Simpósio de Direito Internacional  da Universidade Federal do Ceará. A Palestrante foi Dra. Carmem Lussi, pesquisadora do Centro Scalabriniano de Estudos Migratórios – CESEM, de Brasília.

O tema foi apresentado a partir dos pontos: 1. O que entendemos por abordagem de direitos humanos referida a temática migratória?  a dignidade da pessoa humana/protagonismo dos migrantes e refugiados; metodologias e ética no estudo das migrações; a emergência das violações à vida de povos e culturas. 2. A ambiguidade e algumas dificuldades quanto aos dados estatísticos; 3. Referências bibliográficas; 4. Algumas chaves interpretativas das migrações e dos deslocamentos forçados.

O tema teve boa adesão dos alunos da UFC que se inscreveram no minicurso, agentes das Pastorais Sociais da Arquidiocese e migrantes.  Participaram do evento mais de 70 pessoas.  Nas manifestações dos participantes e depoimentos de migrantes,  vários  desafios  foram apresentados,  em relação aos migrantes que vivem em Fortaleza: preconceito, xenofobia, falta  de políticas públicas e desconhecimento desta realidade.

A poesia recitada por uma migrante,   “Imagine a Paz”  de Bráulio Bessa, expressa o mundo novo que sonhamos.  O Seminário contribuiu, para este olhar e uma nova compreensão da realidade vivida pelos migrantes.

“Um dia eu imaginei um mundo sem terrorismo. Sem preconceito nenhum. Sem vingança, sem racismo. Sem a tal intolerância munida pela ganância e tanto individualismo…Um dia eu imaginei um mundo sem ditadores…Nesse mundo, todo mundo entendeu o que era amar. Repartia cada pão, fazia o bem sem cobrar…E sempre que alguém caia, tinha alguém pra levantar. Nesse mundo, todo mundo aprendeu a ajudar. A olhar também pro outro com a missão de cuidar. E sempre que alguém sofria tinha alguém pra confortar.”

Ir. Idalina Pellegrini
P/ Coordenação da Pastoral do Migrante da Arquidiocese de Fortaleza

Veja algumas fotos:

Compartilhe

Subir

Seja o primeiro a comentar »

Seja o primeiro a comentar »


Deixe seu Comentário

Nome (necessário)

E-mail (não será publicado) (necessário)

Website

Atualidades

D. Fisichella nos 25 anos da Veritatis Splendor: quem critica o Papa não é fiel à tradição católica

Material em preparação ao Simpósio Arquidiocesano no Ano do Laicato

Mês da Bíblia: Exercício do poder

Episcopalis  Communio

Bairro Ellery festeja São Francisco de Assis

Encontro de preparação para 3ª Semana Catequética Paroquial


QR Code Business Card