Grito dos Excluídos é ação pastoral da Igreja | Arquidiocese de Fortaleza
Atualidades

Grito dos Excluídos é ação pastoral da Igreja

Sobre este jubileu de prata, o Padre Gianfranco Graziola, da Pastoral Carcerária, conversou com Ari Alberti, da coordenação nacional do Grito.

Cidade do Vaticano

O Grito dos Excluídos está completando 25 anos. O primeiro evento foi realizado em 1995 e foi fruto da Segunda Semana Social Brasileira, promovida pela Pastoral Social da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).

Trata-se de um conjunto de manifestações populares que tem lugar na Semana da Pátria e culmina com o Dia da Independência do Brasil em 7 de setembro.

O tema deste ano é “Vida em primeiro lugar”, com o lema “Este sistema não vale: lutamos por justiça, direitos e liberdade”.

Sobre este jubileu de prata, o Padre Gianfranco Graziola, da Pastoral Carcerária, conversou com Ari Alberti, da coordenação nacional do Grito no 21° encontro dos animadores em São Paulo:

Ouça a reflexão

Compartilhe

Subir

Seja o primeiro a comentar »

Seja o primeiro a comentar »


Deixe seu Comentário

Nome (necessário)

E-mail (não será publicado) (necessário)

Website

Atualidades

Festa dos Arcanjos receberá 12 mil pessoas no Ginásio Paulo Sarasate

DNJ 2019 retoma temática da Campanha da Fraternidade sobre Políticas Públicas

Festa de São Francisco na Comunidade do Planalto Itaperi

Em reunião com o Papa, presidência do Celam fala sobre novas perspectivas da entidade

Amor irrestrito e solidário


QR Code Business Card