Atualidades

[VÍDEO] Devoção: Nossa Senhora de Fátima

Porque ser devoto de Maria?

1- Porque é a Mãe de Deus e da igreja

“E o Verbo Divino se fez carne e habitou entre nós” (Jo.1,14) – Deus em sua infinita misericórdia e por amor a nós, enviou seu filho único para nos salvar. Ele que não precisava, em sua totalidade, pois é Deus, quis se utilizar de Maria para ser a mãe do Salvador. Em Maria, começa a se manifestar as maravilhas de Deus na humanidade, através da ação do Espírito Santo. Maria é mãe de Cristo e da igreja, pois em total adesão a vontade do Pai, cooperou no projeto de Salvação, na concepção do verbo, como nos ensina o catecismo da Igreja Católica no parágrafo 6, e no amor, para que nascesse os fieis que são os membros do corpo de Cristo.

2- Maria escuta e acolhe

Como Mãe, e cheia de graça concedida por Deus, Maria sabe as nossas limitações humanas, chora e sorrir conosco. Nossa Senhora conhece o nosso coração, e compreende que para sermos felizes precisamos fazer a vontade de Deus, como ela fez. Esposa do Espírito Santo, conhece nossas necessidades e vem em nosso auxilio antes de pedirmos, como aconteceu a sua prima Izabel. Maria mesmo grávida foi ao seu encontro acolhendo o seu cansaço e levando a boa noticia.

3- Maria modelo a ser seguido

Em Maria, o verbo de Deus encontrou morada, é modelo de fé, um coração disponível ao Senhor. Ela é a porta da esperança, pois trouxe em seu seio a salvação para o mundo, através do seu sim, mudou a história da humanidade. Por seu exemplo de Mãe e mulher, que se manteve de pé aos pés da cruz nos ensina a permanecer firmes em meios as dificuldades.

4- Maria perto de Mim

Com Maria não estamos sozinhos, podemos nos sentir e ficar mais perto da nossa mãe quando, por exemplo, visitamos uma igreja. Segundo o Pe. Ivan, pároco da igreja de Fátima, em Fortaleza, muitos fieis passam diariamente em todos os horários, no templo, só para falar com Nossa Senhora. Na Arquidiocese de Fortaleza existem 55 paróquias de denominação mariana com seus diversos títulos, mas com a mesma identidade de mãe de Deus e da Igreja. A devoção mostra um profundo carinho, fé e amor a Maria. Alem disso, existem vários grupos de oração, comunidades novas e capelas em honra a Nossa Senhora.

5- O Seguimento a Maria é o Seguimento a Jesus

Maria é intimamente ligada a Jesus e por isso nos faz seus imitadores, principalmente na prática da humildade. Percebamos nas sagradas escrituras que pouco se escuta histórias de Nossa Senhora, porem sua participação na história da salvação é grandiosa e se dá exatamente pela vivencia dos conselhos evangélicos: pobreza, castidade e obediência. A devoção a Nossa Senhora nos consagra inteiramente ao servir a Deus e ao próximo, na condição de configurar-se a Cristo.

Assista aqui.

Imagens e texto: Jocyelle Cavalcante/ Bernardina Lourenço: PASCOM Arquidicoese de Fortaleza.

Compartilhe

Subir

Seja o primeiro a comentar »

Seja o primeiro a comentar »


Deixe seu Comentário

Nome (necessário)

E-mail (não será publicado) (necessário)

Website

Atualidades

Lutero e sua marca na História

Inauguração da Centro de Evangelização do Shalom Bela Vista

Papa Francisco pede fim de armas nucleares

Presidente da CNBB foi nomeado pelo Papa Francisco como Relator Geral do Sínodo 2018

Editorial – novembro 2017: “Ano do Laicato no Brasil”


QR Code Business Card