Atualidades

[NOTÍCIAS/Brasil] Dom Guilherme concede entrevista coletiva sobre os impactos da Mineração

Igrejas e minerao 2014 350x233O presidente da Comissão Episcopal Pastoral para o Serviço da Caridade, da Justiça e da Paz da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), dom Guilherme Werlang, concede entrevista coletiva à imprensa, nesta sexta-feira, dia 5, às 11h, no Centro Cultural de Brasília (CCB), na 601 Norte,  sobre o Encontro Latino-Americano “Igrejas e Mineração: uma opção em defesa de comunidades e territórios”. O evento, que reúne mais de 90 pessoas de diferentes denominações religiosas e de organizações da sociedade civil de 13 países do continente, teve início na terça-feira, 2, e seguirá até sábado, 6. O objetivo é planejar estratégias de enfrentamento aos desafios relacionados aos megaempreendimentos de mineração.  A representante do Conselho Latino-Americano de Igrejas (CLAI) e integrante do Comitê Nacional dos Territórios Frente à Mineração, Moema Miranda, também participará da entrevista coletiva.

 Os participantes do encontro Igrejas e Mineração partilham a realidade de conflitos provocados pelas empresas de mineração na América-Latina. A partir das experiências relatadas, serão buscadas alternativas ao modelo extrativista de desenvolvimento. O intuito é fortalecer a articulação entre as comunidades eclesiais que enfrentam os impactos socioambientais da mineração, como os casos de violações dos direitos humanos e os danos irreversíveis a ecossistemas, comunidades e entornos sociais nos quais a atividade é desenvolvida.

O membro do Observatório de Conflitos de Mineração da América Latina, Cesar Padilla, apresentou dados de conflitos provocados pela mineração na região e comentou a nova postura das comunidades diante de propostas extrativistas. “Os minerais na terra estão acabando, já não encontram minas com tantos minerais, o ouro, por exemplo significa extrair 0,2g por tonelada, a mineração está enfrentando hoje problemas econômicos. Um dos temas que mais nos chamam atenção é que cada vez há mais oposição das comunidades, as que têm atividade de mineração não a querem mais, e as que não têm, não querem ter”, contou. Padilla disse que atualmente estão registrados 211 conflitos relacionados à exploração mineral.

Empresas e governos foram citados como responsáveis pela situação de conflitos e impactos ligados à mineração. No Brasil, está em tramitação no Congresso Nacional o projeto de um novo Código de Mineração conduzido por parlamentares com interesse econômico na atividade.

Além de fortalecer a articulação de igrejas e movimentos sociais, o encontro visa incentivar a formação de espaços de diálogo entre esses grupos sobre os temas ligados à mineração e aos impactos socioambientais, por exemplo.

Encontro

O encontro conta com o apoio da Comissão Episcopal Pastoral para o Serviço da Caridade, da Justiça e da Paz da CNBB e a participação do Conselho Latino-americano das Igrejas (CLAI). O evento conta com a presença de leigos, leigas, religiosas e religiosos e movimentos sociais envolvidos ativamente na denúncia dos impactos da mineração nos territórios.

Fonte: CNBB

 

Compartilhe

Subir

Seja o primeiro a comentar »

Seja o primeiro a comentar »


Deixe seu Comentário

Nome (necessário)

E-mail (não será publicado) (necessário)

Website

Atualidades

Planilha de contribuição das paróquias e das áreas pastorais: outubro de 2017

Festa da Paróquia Nossa Senhora das Graças – Santa Maria

“I Aviva Povo de Deus”

Paróquia Nossa Senhora das Graças e São Pedro na Praia da Tabuba, em Caucaia – CE.

Material que foi veiculado no Jornal JCTV na Rede Vida de Televisão


QR Code Business Card