Atualidades

Regionais se candidatam para sediar 14ª Intereclesial de CEBs

Por: Cecília de Paiva, Comunicação do 13º Intereclesial.

regionaisAs lutas por justiça em todo o Brasil fazem dos regionais da CNBB potenciais lugares para sede do próximo encontro de CEBs, o 14º Intereclesial, a ser realizado em 2018. A escolha de uma arqui(diocese) será feita neste sábado, dia 11, pelos próprios participantes em encontro por regionais. A decisão será anunciada, antes do encerramento do 13º Intereclesial.

Quatro dioceses apresentaram suas motivações para sediar o 14º Intereclesial: Londrina (PR), Rondonópolis (MT), Marabá (PA) e Volta Redonda (RJ).

Entre as motivações, há regionais que apontam os grandes problemas a serem vistos pelas lideranças das CEBs, para fortalecer denúncias e ecoar gritos de lutas. Entre os problemas mais graves estão a impunidade por crimes ambientais, a continuidade do caos fundiário, problemas de ordem fronteiriça e narcotráfico, o descaso com a saúde e a educação, a discriminação dos movimentos sociais, povos indígenas e quilombolas e a ausência do Estado em meio à injustiça e o terror.

O coordenador da Comissão Pastoral da Terra (CPT) no Regional Oeste 1, Paulo Cesar Santos, fala das lutas travadas a serem iluminadas por um grande encontro como são os intereclesiais. O coordenador reflete sobre a existência de uma igreja frágil, em que falta apoio do ambiente eclesial às CEBs e aos problemas que assolam o Estado. Segundo ele, percebe-se a igreja comprometida com o poder que mantém as igrejas, de modo que a maioria dos bispos deixa de tocar certos assuntos. “O poder do agronegócio, por exemplo, asfixia outras culturas, como os índios xavantes que sofrem a fragilidade das políticas públicas” denuncia Paulo Cesar.

Compartilhe

Subir

1 Comentário »

1 Comentário »

  • vera maria gouveia disse:

    Eu estive nesta terra abençoada do Pe. Cicero, da Beata maria de Aarujo, Pe. Ibiapina, mas o que me deixou emocionada foi a garra desse povo, que traz na vida uma luta de romeiras e romeiros corajosos, que vão e vem as pés do Padrinho, levar suas dores, conquistas, alegrias e muita fé, parabens juazeirenses, por tantas coisas que nos ensinaram nesses poucos dias, que foram maravilhosos, mas a luta continua, e que o Padrinho Cicero nos abençõe na caminhada.amem,axé,auere, aleluia.


Deixe seu Comentário

Nome (necessário)

E-mail (não será publicado) (necessário)

Website

Atualidades

Liturgia Diária: Evangelho – Mt 20,1-16a

Liturgia Diária: Evangelho – Lc 8,4-15

Visita Pastoral na Paróquia de Nossa Senhora da Penha, Maranguape

II Romaria Bíblica e encontro sobre contabilidade na Região São Pedro e São Paulo

Palestras sobre o tema Comunicação na Faculdade Católica de Fortaleza


QR Code Business Card