Atualidades

Papa lamenta tragédia ocorrida hoje em Lampedusa, sul da Itália

Papa_Francisco2O papa Francisco disse ser uma vergonha a tragédia na ilha de Lampedusa, que matou pelo menos 90 migrantes, hoje pela manhã. “Não posso não recordar com grande dor as numerosas vítimas do trágico naufrágio ocorrido hoje, no largo de Lampedusa. Vem-me a palavra ‘vergonha’”, disse o papa, que solicitou orações por quem perdeu a vida. Francisco pediu, ainda, a união de esforços para que tragédias semelhantes não se repitam. “Somente uma colaboração firme de todos pode ajudar a preveni-las”, afirmou.

Segundo informações da Rádio Vaticano, a embarcação, que incendiou e naufragou, tinha cerca de 500 refugiados, entre eles 30 crianças, provindos da Eritréia e da Somália.

O pronunciamento do papa ocorreu ao final da audiência, no Vaticano, com participantes do Congresso Organizado para comemorar os 50 anos da Encíclica Pacem in terris, promulgada pelo beato João XXIII, em abril de 1963.

Para Francisco, tragédias como as de Lampedusa acontecem porque o mundo ainda tem o mesmo espírito que predominava na época em que a encíclica foi publicada. “No final de 1962, a humanidade se encontrou à beira de um conflito atômico mundial, e o papa fez um dramático apelo de paz. O diálogo que então os blocos antagonistas empreenderam com muita dificuldade levou, durante o pontificado de João Paulo II, à superação daquela fase. As sementes lançadas pelo beato João XXIII deram frutos. Todavia, não obstante a queda de muros e barreiras, o mundo continua a necessitar de paz e o chamado da Pacem in terris permanece fortemente atual”, explicou.

No discurso, o papa questionou se a sociedade compreendeu a lição da encíclica, se as palavras justiça e solidariedade estão somente no dicionário ou se todos trabalham para que elas se tornem realidade. “A encíclica do beato João XXIII nos recorda claramente que se não trabalharmos por uma sociedade mais justa e solidária e se não superarmos egoísmos e individualismos, não poderão existir paz e harmonia verdadeiras”, ressaltou.

Foto: Rádio Vaticano

Compartilhe

Subir

Seja o primeiro a comentar »

Seja o primeiro a comentar »


Deixe seu Comentário

Nome (necessário)

E-mail (não será publicado) (necessário)

Website

Atualidades

Igrejas e movimentos sociais realizam a 9º Festa da Vida na Arquidiocese de Fortaleza

Vídeo campanha para evangelização 2018 – Dom Leonardo Steiner

99ª Festa de Jesus, Maria, José no bairro Antônio Bezerra

Simpósio ecumênico em Roma debate xenofobia e populismo

Paróquia de Jesus, Maria, José realizará Caminhada pela Paz no bairro Antônio Bezerra


QR Code Business Card