Atualidades

Papa aos bispos da Baviera na Missa pelo seu aniversário: “agradeço a todos que me acompanharam para que eu não perdesse a luz”

O Papa Bento XVI foi homenageado, na manhã desta segunda-feira, no Vaticano, com uma Missa pelo seu aniversário, com a presença de uma delegação da Baviera, sua terra natal. Às 11 horas, o Papa recebeu os bispos da região, logo após o Ministro Presidente Horst Seehofer, e, ao meio-dia, na Sala Clementina, recebeu toda a delegação em audiência.

No início da Missa, o Decano do Colégio Cardinalício, Cardeal Angelo Sodano, dirigiu palavras ao aniversariante e aos presentes, agradecendo aos bispos da Baviera por sua proximidade, e ressaltando que Bento XVI é um dom que a Igreja na Alemanha ofereceu a toda a Igreja.

A Missa foi celebrada na Capela Paolina, durante a qual, em sua homilia, o Santo Padre falou sobre a liturgia do dia do seu aniversário e batizado. Mencionou então a memória da Santa Bernardette Soubirou, do Santo Benoît Joseph Labre e ainda o fato de que “esse dia está sempre imerso no mistério pascal, no mistério da Cruz e da Ressurreição”. “Em especial do ano do meu nascimento – ressaltou o Papa -, porque era Sábado Santo, o dia do silêncio de Deus, da aparente ausência, da morte de Deus e, contudo, o dia no qual se anuncia a Ressurreição”.

O Papa falou longamente sobre os dois Santos e sobre o mistério pascal. Por fim, agradeceu a Deus e a todos os que o fizeram perceber a presença do Senhor, “que me acompanharam para que eu não perdesse a luz”, disse o Pontífice.

Concluiu dizendo: “Encontro-me diante da última etapa do percurso da minha vida, e não sei o que me espera. Sei, porém, que a luz de Deus existe e que Ele ressuscitou, que a Sua luz é mais forte que cada obscuridade, que a bondade de Deus é mais forte que cada mal no mundo”. “E isso me ajuda a proceder com segurança”, reforçou Bento XVI, que acrescentou: “Isso nos ajuda a andar adiante, e, nessa hora, agradeço de coração a todos aqueles que continuamente me fazem perceber o ‘sim’ de Deus por meio da fé”.

por CNBB/Rádio Vaticano

Compartilhe

Subir

1 Comentário »

1 Comentário »

  • Voc. Gerdonnys disse:

    Que Deus cheio de amor e misericórdia, o cubra de bençãos e muitos anos de vida, para que no seu Santo Ministério, conduza com muita fé e caridade o seu povo que é seu Rebanho!
    AMÉM!


Deixe seu Comentário

Nome (necessário)

E-mail (não será publicado) (necessário)

Website

Atualidades

Presidente da CNBB reflete sobre tema da CF 2018

Ordenação Presbiteral do Diácono Rodrigo Alves de Oliveira Arruda, SCJ

Carta da Articulação das Pastorais Sociais, CEBs e Organismos da Arquidiocese de Fortaleza acerca da chacina das Cajazeiras e a violência crescente em nossa cidade, estado, país

Voltados ao mistério

Mensagem do Papa para a Quaresma 2018


QR Code Business Card