Atualidades

[NOTÍCIAS/Mundo] Papa Francisco diz que é preciso dar mais valor às mães

valormaeApós pausa de final de ano, o papa Francisco retomou na quarta-feira, 7 de janeiro, as catequeses semanais com os peregrinos, no Vaticano. O encontro aconteceu na Sala Paulo VI, com a presença de milhares de fiéis.

O papa prosseguiu com o ciclo de catequeses sobre a Família, chamando atenção para a importância da figura da mãe e da vocação materna.

“Na Família existe mãe. Toda pessoa humana deve a vida a uma mãe. Ela, por sua vez, é pouco ouvida e pouco ajudada na vida cotidiana, pouco considerada em seu papel central na sociedade”, recordou Francisco.

Ainda, na reflexão, o papa disse que é preciso dar mais valor às mães, já que mesmo em comunidades cristãs, as mães nem sempre são valorizadas.

“Deveríamos compreender melhor sua luta cotidiana em serem eficientes no trabalho, atenciosas e carinhosas com a família; precisaríamos entender suas aspirações para expressar os frutos melhores e mais autênticos de sua emancipação”, lembrou o papa.

Durante a catequese, Francisco partilhou com os fiéis uma recordação pessoal: “Lembro-me em casa, éramos cinco, cada um pensava em uma coisa e a fazia. Nossa mãe estava sempre correndo de um lado para outro”.

Agradecer às mães

“No amor incondicional e voluntário por seus filhos, são o antídoto ao individualismo, são as grandes inimigas das guerras. São elas a testemunhar a beleza da vida. As mães se ‘dividem’; a partir do momento que hospedam um filho, o dão ao mundo e o fazem crescer. Muitas vezes pensei naquelas mães que recebiam cartas durante as guerras que as informavam da morte de seus filhos. Quanto sofrem as mães!”, disse o papa.

Ao final da catequese, convidou os peregrinos a agradecerem às mães por sua presença na vida em família.

“Em certo sentido, a maternidade é uma espécie de martírio. Na sua entrega generosa, as mães concebem os filhos no seu seio, dão à luz, amamentam, educam e dão afeto: oferecem as suas vidas aos filhos, um verdadeiro martírio materno! Agradeçamos as mães por tudo o que são na família, e por aquilo que dão à Igreja e ao mundo”, finalizou.

Fonte CNBB – Com informações do News.va.

Compartilhe

Subir

Seja o primeiro a comentar »

Seja o primeiro a comentar »


Deixe seu Comentário

Nome (necessário)

E-mail (não será publicado) (necessário)

Website

Atualidades

Visita Pastoral na Paróquia de Nossa Senhora da Penha, Maranguape

II Romaria Bíblica e encontro sobre contabilidade na Região São Pedro e São Paulo

Palestras sobre o tema Comunicação na Faculdade Católica de Fortaleza

Convite de Dom José Antonio – Simpósio Arquidiocesano no Ano Mariano

Liturgia Diária: Evangelho – Lc 8,1-3


QR Code Business Card