Atualidades

[NOTÍCIAS/Mundo] Papa Francisco diz que é preciso dar mais valor às mães

valormaeApós pausa de final de ano, o papa Francisco retomou na quarta-feira, 7 de janeiro, as catequeses semanais com os peregrinos, no Vaticano. O encontro aconteceu na Sala Paulo VI, com a presença de milhares de fiéis.

O papa prosseguiu com o ciclo de catequeses sobre a Família, chamando atenção para a importância da figura da mãe e da vocação materna.

“Na Família existe mãe. Toda pessoa humana deve a vida a uma mãe. Ela, por sua vez, é pouco ouvida e pouco ajudada na vida cotidiana, pouco considerada em seu papel central na sociedade”, recordou Francisco.

Ainda, na reflexão, o papa disse que é preciso dar mais valor às mães, já que mesmo em comunidades cristãs, as mães nem sempre são valorizadas.

“Deveríamos compreender melhor sua luta cotidiana em serem eficientes no trabalho, atenciosas e carinhosas com a família; precisaríamos entender suas aspirações para expressar os frutos melhores e mais autênticos de sua emancipação”, lembrou o papa.

Durante a catequese, Francisco partilhou com os fiéis uma recordação pessoal: “Lembro-me em casa, éramos cinco, cada um pensava em uma coisa e a fazia. Nossa mãe estava sempre correndo de um lado para outro”.

Agradecer às mães

“No amor incondicional e voluntário por seus filhos, são o antídoto ao individualismo, são as grandes inimigas das guerras. São elas a testemunhar a beleza da vida. As mães se ‘dividem’; a partir do momento que hospedam um filho, o dão ao mundo e o fazem crescer. Muitas vezes pensei naquelas mães que recebiam cartas durante as guerras que as informavam da morte de seus filhos. Quanto sofrem as mães!”, disse o papa.

Ao final da catequese, convidou os peregrinos a agradecerem às mães por sua presença na vida em família.

“Em certo sentido, a maternidade é uma espécie de martírio. Na sua entrega generosa, as mães concebem os filhos no seu seio, dão à luz, amamentam, educam e dão afeto: oferecem as suas vidas aos filhos, um verdadeiro martírio materno! Agradeçamos as mães por tudo o que são na família, e por aquilo que dão à Igreja e ao mundo”, finalizou.

Fonte CNBB – Com informações do News.va.

Compartilhe

Subir

Seja o primeiro a comentar »

Seja o primeiro a comentar »


Deixe seu Comentário

Nome (necessário)

E-mail (não será publicado) (necessário)

Website

Atualidades

Assembleia da Região Episcopal Nossa Senhora dos Prazeres

Comunidade Católica Corpo Místico de Cristo realiza Congresso Mariano

Paróquia Sagrada Família em Ocara realizou Retiro com Agentes Pastorais

O Sínodo da Juventude 2018

Na celebração do I Dia Mundial dos Pobres Arquidiocese lança a 9ª Festa da Vida


QR Code Business Card