Atualidades

[NOTÍCIAS/Brasil] Comunidades Eclesiais de Base no mundo urbano é tema de curso no Centro Cultural Missionário

cebs500O Centro Cultural Missionário de Brasília (CCM) em parceria com a Comissão Episcopal para a Missão Continental e a Comissão Episcopal para o Laicato da CNBB, promove, de 13 a 17 de outubro, a 4ª edição da Semana de Formação sobre Paróquia Missionária. A iniciativa tem como tema central “Paróquia, Comunidades Eclesiais de Base (CEBs) e missão no mundo urbano” pretende repensar a pastoral a partir da missão rumo a um novo modelo eclesial.

A formação se destina a padres, diáconos, religiosos e religiosas, leigos e leigas de todo o Brasil. O estudo deverá leva r os participantes a refletirem sobre a possibilidade da paróquia tornar-se efetivamente missionária, através de uma formação adequada de seus agentes, de uma reestruturação de seus âmbitos, de uma efetiva ação evangelizadora em seu contexto sociocultural e de uma animação missionária.

Os participantes serão estimulados a se tornarem agentes multiplicadores de iniciativas semelhantes em suas próprias realidades.

Faça aqui a sua inscrição

Segundo o assessor da Comissão para o Laicato, Setor CEBs da CNBB, professor Sérgio Coutinho, a preocupação de pensar as CEBs na realidade urbana já existe há algum tempo. Ele recorda que, o Documento 100, da CNBB, Comunidade de comunidades: uma nova paróquia, “coloca no centro a necessidade de formar grupos bíblicos, fazer com que as paróquias sejam uma rede de comunidades. Neste sentido, as CEBs continuam relevantes nas opções eclesiais da Igreja no Brasil”.

Professor Coutinho adianta que o curso deverá partir das experiências de CEBs em contextos urbanos nos últimos anos. “Vamos focar nas experiências de Vitória (ES), com a organização feita por dom Luís Fernandes, que na época acabou gerando os encontros intereclesiais de CEBs de 1975 e 1976. A ‘Operação Periferia’, em São Paulo com dom Paulo Evaristo Arns e seus bispos auxiliares e um grupo de agentes pastorais que ajudou a organizar as CEBs na grande São Paulo. Apresentaremos também, a experiência realizada em Campinas (SP) e na Baixada fluminense, na diocese de Duque de Caxias”.

Segundo o historiador, o grande desafio é “como viver comunitariamente em grandes cidades onde o deslocamento é constante, a questão territorial já não é a mesma coisa que no mundo rural, onde existe o desafio da violência, a questão ecológica do convívio com o meio ambiente, a questão do transporte. Como que estas comunidades se desenvolvem em meio a esta selva urbana que são as grandes metrópoles do Brasil”.

Além disso, o curso apresentará a experiência das Santas Missões Populares (SMP), com o padre Luís Mosconi e sua equipe, de Belém no Pará. “A nossa expectativa é de que haja uma participação de muitos agentes pastorais, presbíteros, religiosos, religiosas e quem sabe, bispos”, complementa Coutinho.

Os debates serão importantes para a organização do próximo Intereclesial de CEBs, que vai acontecer em 2018, na arquidioceses de Londrina (PR) com o tema central “CEBs no mundo urbano”.

Custo total do curso: $ 500,00 (o valor incluiu hospedagem, alimentação e material didático).

Conheça o conteúdo programático do curso.

Por Jaime C. Patias, POM.

Compartilhe

Subir

Seja o primeiro a comentar »

Seja o primeiro a comentar »


Deixe seu Comentário

Nome (necessário)

E-mail (não será publicado) (necessário)

Website

Atualidades

Planilha de contribuição das paróquias e das áreas pastorais: outubro de 2017

Festa da Paróquia Nossa Senhora das Graças – Santa Maria

“I Aviva Povo de Deus”

Paróquia Nossa Senhora das Graças e São Pedro na Praia da Tabuba, em Caucaia – CE.

Material que foi veiculado no Jornal JCTV na Rede Vida de Televisão


QR Code Business Card