Atualidades

[NOTÍCIAS/Brasil] Começa a Campanha Missionária 2014

Por Jaime C. Patias *

O mês de outubro é, para a Igreja Católica em todo o mundo, o período no qual são intensificadas as iniciativas de informação, formação, animação e cooperação em prol da Missão universal. O objetivo é despertar a solidariedade e as vocações missionárias, bem como, no Dia Mundial das Missões, realizar uma Coleta para o sustento das atividades de promoção humana e de evangelização em todos os continentes. Este ano essa Coleta será realizada nos dias 18 e 19 de outubro.

É bom lembrar que a missão faz parte da natureza e identidade da Igreja e por isso é permanente. Deve acontecer todos os dias do ano e não apenas no mês de outubro.

Tema e lema da Campanha
Todos os anos a Campanha se concentra em uma realidade de evangelização, motivando para ações concretas na perspectiva universal. Na Quaresma, a Igreja no Brasil já se questionou, por meio da Campanha da Fraternidade, sobre a realidade do tráfico humano. A Campanha Missionária 2014 retoma essa reflexão ao propor o tema “Missão para libertar”, e o lema: “Enviou-me para anunciar a libertação” (Lc 4, 18).

Hoje, as vítimas do tráfico humano representam a escravidão moderna. O conceito de tráfico humano, com seus desdobramentos, inclui o tráfico para a exploração do trabalho; para a exploração sexual; para a extração de órgãos; e tráfico de crianças e adolescentes. Por isso, o tema “Missão para libertar” surge hoje como um grande desafio para a evangelização. A missão para libertar está no centro da mensagem cristã e denuncia toda prática perversa de exploração, em que os seres humanos são tratados como mercadoria.

Em uma sinagoga de Nazaré, Jesus inaugura seu ministério recordando a profecia de Isaías: “O Espírito do Senhor está sobre mim, porque me ungiu e enviou-me para anunciar a boa-nova aos pobres…” (Lc 4, 18). E continuou: “para pôr em liberdade os cativos…” (Lc 4, 19). Essa passagem inspira o lema da Campanha Missionária: “Enviou-me para anunciar a liberdade”. Essa missão libertadora vem do Deus da vida, pois é conferida a Jesus pelo próprio Espírito do Senhor, por quem já fora ungido como o Messias por ocasião do seu batismo (Lc 3,22).

A missão do Messias é de esperança de vida digna, especialmente para quem sofre algum tipo de escravidão. Hoje, Jesus nos desafia a assumirmos essa mesma “Missão para libertar”. Nesse sentido, a Campanha Missionária 2014 nos pede uma postura pró-ativa diante da escravidão do tráfico humano em suas diversas expressões. Olhando para essa realidade à luz da Palavra de Deus, vemos que essa missão continua urgente e sem fronteiras.

O objetivo é criar comunhão entre os diversos aspectos da Missão e incentivar para o compromisso, a exemplo dos muitos missionários e missionárias que se dedicam a cuidar e a promover a vida. Todas as famílias e comunidades são convidadas a viverem com maior intensidade o Mês das Missões. Com isso, a nossa Igreja no Brasil se fortalece e se abre com maior generosidade para a Missão Universal além-fronteiras, conforme o apelo do papa Francisco, “não nos deixemos roubar o entusiasmo missionário!” (EG 80).

Subsídios

As Pontifícias Obras Missionárias (POM) têm a responsabilidade de organizar, todos os anos, a Campanha Missionária, na qual colaboram a CNBB por meio da Comissão para a Ação Missionária e Cooperação Intereclesial, a Comissão para a Amazônia e outros organismos que compõem o Conselho Missionário Nacional (Comina).

A Campanha deste ano tem os seguintes subsídios: Cartaz com o tema e o lema; livrinho da Novena Missionária; DVD com testemunhos missionários; mensagem do Papa Francisco para o Dia Mundial das Missões; orações dos fiéis para os quatro domingos de outubro; envelopes para a coleta do Dia Mundial das Missões; marcadores de páginas com a Oração da Campanha Missionária e as imagens de Santa Teresinha do Menino Jesus, São Francisco Xavier, Nossa Senhora Aparecida e o papa Francisco.

Todos os itens da Campanha foram enviados às 276 dioceses e prelazias do Brasil para serem distribuídos entre as paróquias e comunidades. Além disso, os materiais estão disponíveis no site das POM (www.pom.org.br) para baixar livremente e multiplicar.

* Secretário nacional da Pontifícia União Missionária. Assessor de comunicação das POM.

Compartilhe

Subir

Seja o primeiro a comentar »

Seja o primeiro a comentar »


Deixe seu Comentário

Nome (necessário)

E-mail (não será publicado) (necessário)

Website

Atualidades

Pedra rejeitada

56ª Assembleia Geral dos Bispos do Brasil

POM celebra 40 anos lançando vídeo institucional

Secretaria de Comunicação da Santa Sé fez cobertura total da 56ª Assembleia

No seu onomástico Papa dá sorvete aos mais necessitados


QR Code Business Card