Atualidades

Edições CNBB lançam Cruz comemorativa do Bote Fé

“No peito eu levo uma cruz, no meu coração o que disse Jesus”. Você reconhece esta letra? Ela faz parte do refrão da música “Nova geração”, de padre Zezinho, que tem marcado a peregrinação dos símbolos da Jornada Mundial da Juventude (JMJ) – a Cruz e o Ícone de Nossa Senhora – por todas as dioceses do Brasil, dentro do projeto “Bote Fé”.

Mas além de cantar, você poderá agora “literalmente” levar no peito uma cruz!

Com o objetivo de difundir o sinal do cristianismo e marcar o projeto da peregrinação, as Edições CNBB prepararam a “Cruz do Bote Fé”. O símbolo está disponível para compra pelo site da editora (www.edicoescnbb.com.br) ou pelo telefone (61) 2193-3019, a custo de R$ 5,00 + frete.

“Numa sociedade marcada pela perseguição aos símbolos cristãos e pelas ações de retirada dos sinais religiosos das repartições públicas, usar esta cruz do Bote Fé é uma forma de professarmos a nossa fé e de levar outros jovens a terem sua experiência com Cristo”, ressaltou o assessor nacional da Comissão para Juventude da CNBB padre Carlos Sávio Costa.

Bote Fé

O projeto é um conjunto de ações que une todo país em volta desta visita da Cruz e do Ícone e possui três grandes eixos: celebração, formação e ação social.

A peregrinação dos símbolos tem proporcionado um intenso caminho de evangelização, momentos festivos para cada Igreja particular, além da preparação para o grande evento mundial com o Papa Bento XVI, no Rio de Janeiro, em 2013: a JMJ.

Desse modo, a visita da Cruz e do Ícone de Nossa Senhora tem atingido a juventude e os mais excluídos, tendo em vista que os símbolos percorrem presídios, hospitais, casas de recuperação de dependentes químicos e de menores infratores em todo país.

Fonte:  http://www.jovensconectados.org.br/noticias/noticiasdestaques/1672-edicoes-cnbb-lancam-cruz-comemorativa-do-bote-fe

Compartilhe

Subir

2 Comentários »

2 Comentários »

  • Pe. Rafhael disse:

    É bom ver que uma ideia surgida aqui em Fortaleza agora tomou conta do Brasil.
    Pena que eles não disseram que a ideia original é nossa!!!!!

    Pe. Rafhael.

  • PE.Robério disse:

    quem primeiro começou a divulgação foi em Fortaleza.mas esperamos que depois se
    fale sobre está ideia fez muito bem o Pe.Rafhael lembrar.


Deixe seu Comentário

Nome (necessário)

E-mail (não será publicado) (necessário)

Website

Atualidades

Liturgia Diária: Evangelho – Lc 8,1-3

Missa de abertura Visita Pastoral

Liturgia Diária: Evangelho – Mt 9,9-13

Festa na paróquia de São Francisco de Assis, Jacarecanga

Soberania nacional é o eixo central da análise de conjuntura apresentada aos bispos Consep


QR Code Business Card