Atualidades

Dom Jacinto Bergmann avalia Congresso de Animação Bíblica

Dom Jacinto

O arcebispo de Pelotas (RS) e presidente da Comissão Episcopal Pastoral para Animação Bíblico-catequética, dom Jacinto Bergmann, presidiu a última missa do Congresso de Animação Bíblica da Pastoral, na manhã desta terça-feira, 11, no teatro Madre Esperança Garrido, no Colégio Santo Agostinho, em Goiânia.

Dom Jacinto comentou o trecho da carta de São Paulo aos Romanos, chamando o apóstolo de “grande animador bíblico da pastoral do tempo e da terra dos gentios”. Parafraseando o apóstolo, o arcebispo exortou os congressistas a não terem vergonha do evangelho de Cristo.

“Nós, os animadores bíblicos da pastoral do nosso tempo, em mudança de época, a partir desse congresso, não nos envergonhamos da palavra de Deus, pois ela é força salvadora de Deus para todo aquele que crê”.

O arcebispo se disse animado com o resultado do Congresso cujo objetivo principal ele resume com os verbos “entender, construir e assumir” a animação bíblica da pastoral. “Conseguimos adentrar bem na compreensão do que seja a animação bíblica da pastoral”, disse.

Em relação à construção, dom Jacinto disse que ficou “maravilhado” com a abertura dos congressistas para esse passo de fazer da pastoral bíblica uma animação bíblica da pastoral.

O arcebispo destacou, ainda, a disposição dos participantes em assumir o compromisso “de achar caminhos para passar da pastoral bíblica para a animação bíblica da pastoral”. Ele considera o processo para atingir essa meta como um desafio ainda a ser vencido. “Esse processo não se faz de forma rápida e imediata, porque se trata de colocar a palavra de Deus como alma da pastoral”, observou. “Meu receio é que se use uma nova linguagem, mas fazendo as coisas do mesmo jeito”, acrescentou.

Para dom Jacinto, no entanto, já existem grandes avanços no Brasil. “A pastoral bíblica em muitos aspectos já está criando a animação bíblica da pastoral”, frisou.

Dom Jacinto informou, ainda, que a Comissão Bíblico-catequética da CNBB pretende fazer chegar o conteúdo do Congresso às macrorregiões e aos regionais da CNBB, além das dioceses. Outra iniciativa da Comissão será a publicação das conferências, sugestões e mensagem final do encontro.

POR: CNBB

Compartilhe

Subir

Seja o primeiro a comentar »

Seja o primeiro a comentar »


Deixe seu Comentário

Nome (necessário)

E-mail (não será publicado) (necessário)

Website

Atualidades

Presidente da CNBB recebe organizadores de ato contra a reforma da Previdência

Criaturas novas de Deus

Nossa Senhora de Guadalupe

Editorial – dezembro 2017: “Campanha para a Evangelização”

Agenda do Arcebispo: Janeiro 2018


QR Code Business Card