Atualidades

Pastoral Afro planeja “Década Internacional de Afrodescendentes”

A Assembleia Geral das Nações Unidas (ONU) proclamou o período entre 2015 e 2024 como a Década Internacional de Afrodescendentes, citando a necessidade de reforçar a cooperação nacional, regional e internacional em relação ao pleno aproveitamento dos direitos econômicos, sociais, culturais, civis e políticos de pessoas afrodescendentes, bem como sua participação plena e igualitária em todos os aspectos da sociedade.

Neste sentido, a Secretaria de Pastoral Afroamericana e Caribenha do Conselho Episcopal Latino Americano (Sepac/Celam) reuniu seus assessores de 3 a 7 de outubro, no Centro de Espiritualidade Monte Alverna, no Panamá. O encontro teve como objetivo preparar as atividades do decênio. Do Brasil, participou o coordenador da Pastoral Afro-brasileira, padre Jurandyr Azevedo Araujo.

Entre os assuntos tratados durante a reunião estiveram o Compromisso da Igreja Católica Latinoamericana no Decênio Internacional para os Afrodescendentes (2015-2014) e o Encontro da Pastoral Afroamericana e Caribenha (EPA), que será realizado em julho de 2018, em Cali, na Colômbia.

Além do padre Jurandyr, também participaram do encontro o coordenador da Pastoral no Celam, padre Oscar Lozano e representantes do Haiti, Panamá e Colômbia. Todos foram eleitos no Encontro de Pastoral Afroamericano, em 2015.

Sepac

A partir da proclamação da ONU sobre o decênio afrodescendente, a Pastoral Afro-americana e Caribenha vem reafirmando o conhecimento, a justiça e o desenvolvimento dos povos afrodescendentes. Entre seus objetivos estão a promoção de diálogo com a sociedade e maior articulação com a Igreja; o combate a discriminação racial enfrentada pela população afrodescendente e a promoção de diálogo com as religiões de matrizes africanas.

Com informações da Pastoral Afro-Brasileira

sepac_

Compartilhe

Subir

Seja o primeiro a comentar »

Seja o primeiro a comentar »


Deixe seu Comentário

Nome (necessário)

E-mail (não será publicado) (necessário)

Website

Atualidades

Presidente da CNBB reflete sobre tema da CF 2018

Ordenação Presbiteral do Diácono Rodrigo Alves de Oliveira Arruda, SCJ

Carta da Articulação das Pastorais Sociais, CEBs e Organismos da Arquidiocese de Fortaleza acerca da chacina das Cajazeiras e a violência crescente em nossa cidade, estado, país

Voltados ao mistério

Mensagem do Papa para a Quaresma 2018


QR Code Business Card