Atualidades

Falecimento da Irmã Luiza Mendes

 

Irmã Luiza Mendes, 96 anos,  religiosa da Congregação das Irmãs de Caridade São Vicente de Paula, ainda trabalhava na secretaria da Paróquia Nossa Senhora de Nazaré, no bairro Montese. A irmã faleceu na última sexta-feira e foi sepultada no sábado após a missa de corpo presente.

 

PEQUENO HISTÓRICO PASTORAL DA VIDA RELIGIOSA DA IRMÃ LUIZA

Singelamente os paroquianos, após o meio dia de ontem, 22 de abril de 2016 foram surpreendidos com um toque do sino a mais.  A certeza: alguém muito importante faleceu! Logo chega a confirmação… e assim, neste dia chuvoso, os céus recebem nossa estimada Irmã Luiza!

Irmã Luiza Mendes, desde que assumiu a direção da Escola Medalha Milagrosa, a convite do então Pároco Pe. Batista Poinelli, também assumiu em sua missão religiosa no Montese, a catequese na Paróquia Nossa Senhora de Nazaré, bem como a Equipe Litúrgica. As dependências da escola, era como se fosse a casa pastoral (reuniões, assembléias, seminários de vida no Espírito Santo e retiros, tudo também acontecia ali com seu acolhimento). Atuou no incentivo e na formação das pequenas comunidades e esteve também à frente da preparação de adultos para o sacramento da crisma. Sempre membro do Conselho Pastoral, colaborou incansavelmente, ao longo desses anos com a Evangelização da paróquia e coordenou o setor 9. Mesmo após ter deixado a direção da escola, manteve suas atividades pastorais. Discreta em suas obras de caridade, muitos revelam neste momento o quanto ela fez por famílias, jovens e crianças em seu ministério.

Aos 96 anos, se locomovendo com ajuda de aparelho, no domingo passado, proclamou a Palavra na Celebração das 8h e até a última terça-feira, dia 19, cumpriu seu plantão diário, que dava na secretaria da paróquia. Precisamente todas as tardes ali a encontrávamos, agendando as missas, organizando os jornais e acolhendo a todos. Grande incentivadora dos sacerdotes, colaborou na formação de muitos padres e religiosos. Na Arquidiocese de Fortaleza, coordenou também a Catequese ao lado D. Aloísio Lorscheider.

Uma das lembranças que guardamos forte da sua presença no meio de nós é a animação que fazia à frente da missa das crianças, quando entoava: ˝só entra no céu, quem for como as crianças….ˮ

O bairro Montese perde uma de suas grandes educadoras, inserida também na comunidade, participava da vida política sempre que convidada, tendo sido agraciada com diversos títulos e comendas.

Por Katia de Sousa – Paróquia Nossa Senhora de Nazaré.

 

fotos

irma irma2 irma3 irma4

 

Compartilhe

Subir

3 Comentários »

3 Comentários »

  • Chagas Neto disse:

    Nossa querida diretora, ficará sempre em nosso coração e memória. Que recebe do Senhor Ressuscitado o prêmio da glória eterna. Religiosa que nas pegadas de São Vicente fez o Reino de Deus acontecer em nosso meio. "Só entra no céu quem for como as crianças" cantamos muito com ela na igreja, na escola. Viva irmã Luisa!

  • Kátia de Sousa disse:

    A missa de 7º dia será realizada hoje, às 19h na Igreja Matriz da Paróquia de Nossa Senhora no Montese.

  • Marliete Pessoa disse:

    Irmã Luísa foi como uma estrela que durante 10 anos brilhou na Escola Irmã Guerra. Eu costumava chamá-la A ALMA DO IRMÂ GUERRA ! Até hoje seus amigos e seus alunos choram a sua ausência. A notícia de seu falecimento muito nos fragilizou. Misericórdia e paz para o seu espírito.


Deixe seu Comentário

Nome (necessário)

E-mail (não será publicado) (necessário)

Website

Atualidades

Missa em Ação de Graças pela 33ª Semana do Migrante

Festa do Co-padroeiro São Pedro, Caponga, Cascavel (CE)

Festival Halleluya mostra a força do voluntariado no Ceará

Festa da Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro no Jereissati / Timbó

Paróquia de Barreira promove festa a São Pedro


QR Code Business Card