Atualidades

Arquidiocese de Fortaleza celebra 96 Anos

Antiga Catedral Metropolitana

Hoje, 10 de novembro, a Arquidiocese de Fortaleza celebra 96 Anos. A diocese do Ceará foi criada a 06/06/1854 pela bula Pro Animarum Salute do Papa Pio IX, desmembrada da então diocese de Olinda. Em 10/11/1915, pela Bula Catholicae Religionis do Papa Bento XV, foi elevada a Arquidiocese e Sede Metropolitana.

Relação de bispos e arcebispos

1º Bispo: Dom Luis dos Santos (1859-1879)

2º Bispo: Dom Joaquim José Vieira (1883-1912)

3º Bispo e 1º Arcebispo: Dom Manoel da Silva Gomes (1912-1941)

2º Arcebispo: Dom Antonio de Almeida Lustosa (1941-1963)

3º Arcebispo: Dom José de Medeiros Delgado (1963-1973)

4º Arcebispo: Cardeal Dom Aloísio Lorscheider (1973-1995)

5º Arcebispo: Cardeal Dom Cláudio Hummes (1996-1998)

6º Arcebispo: Dom José Antonio Aparecido Tosi Marques (1999 – ….)

História

Civilmente, o Ceará já se havia emancipado da Província de Pernambuco desde 1799. Eclesiasticamente, até 1854, era apenas Vigararia Forânea da Diocese de Olinda.

O território da nova Diocese era quase o mesmo do atual Estado do Ceará. Faltavam apenas as paróquias de Crateús e Independência, ligadas a São Luis do Maranhão.

A população da Diocese, neste tempo, calculava-se em 650.000 habitantes. A população era quase totalmente católica. A cidade de Fortaleza constava de cerca de 9.000 habitantes. Nessa época havia na Diocese 34 paróquias e um curato. O número de igrejas era de 78 e o de capelas 11, em toda a província do Ceará.

Antes de ser diocese, o Bispo de Olinda (e antes dele o da Bahia) nomeava Visitadores Eclesiásticos para a Vigararia do Ceará. O primeiro desses visitadores foi Frei Félix Machado Freire (1735) e último foi Padre Antonio Pinto de Mendonça (1844 a 1881). O primeiro bispo da Diocese foi Dom Luis Antônio dos Santos.

A Diocese do Ceará, com a criação das Dioceses de Crato e Sobral, foi elevada a Arquidiocese de Fortaleza.

Municípios que pertencem a Arquidiocese:
Acarape, Aquiraz, Aracoiaba, Aratuba, Barreira, Baturité, Beberibe, Canindé, Caridade, Cascavel, Caucaia, Chorozinho, Eusébio, Fortaleza, Guaiúba, Guaramiranga, Horizonte, Itaitinga, Maracanaú, Maranguape, Morada Nova (Distrito de Aruaru), Mulungu, Ocara, Pacajus, Pacatuba, Pacoti, Palmácia, Poranga, Pindoretama, Redenção, São Gonçalo do Amarante.

Compartilhe

Subir

2 Comentários »

2 Comentários »

  • PE.Robério disse:

    QUEREMOS ELEVAR HOJE NOSSAS PRECES PELA NOSSA ARQUIOCESE DE FORTALEZA PELOS 96 ANOS. QUE FOI ELEVADA A ARQUIDIOCESE.DURANTE TANTOS ANOS QUANTOS PASTORES CONTRIBUIRAM PARA O CRESCIMENTO DE NOSSA IGREJA.CADA UM COM SEUS DONS E CARISMAS ENRIQUECERAM NESTA IGREJA.NOSSA GRATIDÃO MUITO SINCERA AO NOSSO ARCEBISPO DOM JOSÉ ANTONIO PELO SEU PASTOREIO.NOSSO AGRADECIMENTO AOS PADRES,LEIGAS E LEIGOS PELA CONSTRUÇÃO DESTA IGREJA DE JESUS CRISTO PRESENTE EM FORTALEZA.PARABÉNS.!

  • Deivid Gama disse:

    Que o Santo Espirito de Deus sempre nos guie e guarde em nossa caminha de Fé!


Deixe seu Comentário

Nome (necessário)

E-mail (não será publicado) (necessário)

Website

Atualidades

Assembleia Geral da Cáritas Arquidiocesana de Fortaleza

Simpósio Ecumênico: “Iniciação à vida Cristã e Ecumenismo” tem inscrições abertas

Assembleia de avaliação e planejamento da Região Episcopal São Pedro e São Paulo

Assembleia da Região Episcopal Nossa Senhora dos Prazeres

Comunidade Católica Corpo Místico de Cristo realiza Congresso Mariano


QR Code Business Card