Atualidades

Leitura Orante: 15º Domingo do Tempo Comum

15º DOMINGO DO TEMPO COMUM:
Evangelho Mt 13,1-23

Tema: O acolhimento a Palavra

Invocação à Santíssima Trindade

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo.
Creio, Senhor Jesus, que sou parte de seu Corpo.
Trindade Santíssima Pai, Filho, Espírito Santo – presente e agindo na Igreja e na profundidade do meu ser.
Eu vos adoro, amo e agradeço.

LEITURA: (Verdade) O que diz o texto do dia?

Proclamação da Palavra, na Bíblia – Mt 13,1- 23. (Observe as palavras de Jesus, os gestos das pessoas, as ações).

MEDITAÇÃO: (Caminho) O que o texto diz para nós, hoje?

Passos da Leitura Orante

Jesus no Evangelho de hoje nos propõe a Parábola do Semeador e da semente.

O Evangelho suscita-nos uma reflexão sobre a forma como acolhemos a Palavra e exorta-nos a ser uma “boa terra”, disponível para escutar as propostas de Jesus, para acolhê-las e para deixar que elas deem abundantes frutos na nossa vida de cada dia.

“A Palavra possui, em si mesma, tal potencialidade, que não a podemos prever. O Evangelho fala da semente que, uma vez lançada à terra, cresce por si mesma, inclusive quando o agricultor dorme (cf Mt 4, 26-29). A Igreja deve aceitar esta liberdade incontrolável da Palavra, que é eficaz a seu modo e sob formas tão variadas que muitas vezes nos escapam, superando as previsões e quebrando os nossos esquemas” (Evangelii Gaudium – A Alegria do Evangelho – 22– Papa Francisco)

Jesus usa a pedagogia, sempre partindo das realidades existentes e utiliza metáforas, para facilitar a compreensão de sua mensagem. Um pedagogo, por excelência.

A atitude de Jesus, de sentar-se à beira do mar, nos faz sentir a importância que ele dava à criação e ao Criador. E com essa atitude, a multidão se aproximava, para escutá-Lo.

ORAÇÃO: (Vida) O que o texto nos leva a dizer a Deus?

Senhor, que eu tenha mais sede da Palavra, semente do Reino de Deus. Mais abertura de coração para acolhê-la com amor. Mais disposição de entrega quando a ouço, a leio ou a medito. Mais luz na mente para compreender a mensagem. Mais vontade de vivê-la. Que diante dela eu nunca seja impenetrável ou indiferente como à beira da estrada. Que eu não tenha a inconstância de quem se entusiasma no momento como os que seguiam Jesus só pelo impacto dos milagres e depois perdiam todo o ardor na hora da provação. Que minhas preocupações e interesses diários não sejam como os espinheiros que sufocam a planta não lhe permitindo frutificar. Que eu seja sempre o bom terreno não me conformando com os 30 ou 60 por cento, quando posso render mais. Se não sou terra boa por natureza, que eu me deixe penetrar pela Palavra e transformar em bom terreno. Amém.

CONTEMPLAÇÃO: (Vida e Missão) Qual meu novo olhar a partir da Palavra?

A importância é a qualidade de nossa terra. O nosso coração deve ser livre e disponível para escutar, orar a Palavra e ter disponibilidade para testemunhá-la. Qual a minha atitude, diante da escuta da Palavra? Como estou colaborando com o cuidado do planeta terra?

BÊNÇÃO BÍBLICA

Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
Ele nos mostre a sua face e se compadeça de nós. Amém.
Volte para nós o seu olhar e nos dê a sua paz. Amém.
Abençoe-nos Deus misericordioso, Pai e Filho e Espírito Santo. Amém.
(Nm 6, 24-27)

Compartilhe

Subir

Seja o primeiro a comentar »

Seja o primeiro a comentar »


Deixe seu Comentário

Nome (necessário)

E-mail (não será publicado) (necessário)

Website

Atualidades

Festejo do Padroeiro movimenta Paróquia de Cristo Redentor

A Paróquia no bairro Dunas festejará Nossa Senhora de Lourdes com um tríduo

Pascom Região Nossa Senhora dos Prazeres realizou encontro de Planejamento para 2018

Comunidades de Vida Cristã estão em Fortaleza para mais uma edição do “Amar e Servir”

Discursos do Papa Francisco no Chile


QR Code Business Card