Atualidades

Pentecostes: a face da terra renovada

Pe Geovane Saraiva*

Fomos batizados, e pelo batismo somos convidados a falar a linguagem do amor, na consciência de que o Espírito do Senhor, que se espalhou por todo o universo, constantemente, quer renovar a face da terra, socorrendo e saciando a fome e a sede da humanidade. Jesus nos assegura a presença do seu espírito criador e santificador em nosso meio. Convençamo-nos da necessidade da linguagem compreensiva a todos, na busca por um mundo solidário, de justiça, reconciliação e paz.

O mundo fecundado é cheio de graças só a partir de Pentecostes, pelos dons do Espírito Santo derramado por toda a extensão da terra, dons traduzidos em amor e graça no coração dos fiéis. Contamos com o fundamento sólido da palavra de Deus, que, pedagogicamente, quer animar e vivificar os corações dos cristãos, convocando-os a levar adiante a desafiante tarefa, iniciada por Jesus de Nazaré, quando, ao subir ao Pai, prometeu-nos solenemente o Espírito Santo: “Eis que estou convosco todos os dias até o fim do mundo” (cf. Mt 28, 20). Estejamos sempre mais convencidos de que vida nova, segundo a vontade de Deus-Pai, só mesmo com o Espírito Santo de Deus.

Que sejamos motivados a vencer o medo que parece crescer sempre mais entre nós, dizendo sim à ação criativa do Espírito de Deus. Urge sempre mais a certeza de que o Espírito Santo prometido por Jesus é a própria vida de Deus, causando-nos um novo impulso e um florescimento maravilhoso e responsável. Que o Espírito Santo possa mexer com os corações e a consciência dos seres humanos, agindo nos cristãos e nas pessoas de boa vontade em geral, fazendo-as diferenciadas pela força vivificadora do Espírito Santo de Deus, no amor e no testemunho.

Não nos esqueçamos jamais das palavras de Jesus diante dos empecilhos: “Vós chorareis e vós lamentareis, mas o mundo se alegrará; vós ficareis tristes, mas a vossa tristeza se transformará em alegria” (cf. Jo 16, 20). Dentro de uma perspectiva acolhedora, na busca da conversão permanente e da infinita bondade de Deus, de coração aberto ao seu amor misericordioso, coloquemo-nos em estreita sintonia com a linguagem do Espírito Santo de Deus, na diversidade de dons e carismas, na promessa de renovar a face da terra.

*Pároco de Santo Afonso, Jornalista, Vice-Presidente da Previdência Sacerdotal, integra a  Academia Metropolitana de Letras de Fortaleza – geovanesaraiva@gmail.com

Compartilhe

Subir

Seja o primeiro a comentar »

Seja o primeiro a comentar »


Deixe seu Comentário

Nome (necessário)

E-mail (não será publicado) (necessário)

Website

Atualidades

Barra do Ceará realiza festividade em honra a São Pedro

Festa de São Pedro na Comunidade de Pabussu, Caucaia

Itinerário Catequético (II)

Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, Alto Alegre realiza Festejo

Equipe da 5º Urgência da Região Nossa Senhora da Conceição promove encontro sobre Reforma Trabalhista


QR Code Business Card