Atualidades

Nota da PJ em solidariedade a tragédia ocorrida no RS

pjSigamos no compromisso com a vida da juventude!

“Bendito seja Deus, o Pai de nosso Senhor Jesus Cristo!

Na sua grande misericórdia ele nos fez renascer pela

ressurreição de Jesus Cristo dentre os mortos,

para uma viva esperança.”

(1Pd 1,3)

A Pastoral da Juventude recebe com profunda tristeza e dor a notícia da tragédia que aconteceu nesta madrugada do dia 27 de janeiro em Santa Maria/RS. Tragédia que ceifou a vida de mais de 233 jovens e deixou outros/as tantos/as feridos/as. Projetos de vida e sonhos foram interrompidos abruptamente pela fatalidade e pela falta de cuidado.

Nossa solidariedade a todos os familiares, amigos/as e conhecidos/as dos/das jovens vítimas dessa terrível tragédia. Choramos juntos/as por tantas vidas interrompidas. Entre as vítimas se encontravam a jovem Maria Mariana Ferreira, do Grupo de Jovens ASPA – Amigos Semeando Paz e Amor, da Paróquia Nossa Senhora de Aparecida – Santa Maria. Unimo-nos à Arquidiocese de Santa Maria, à PJ dessa arquidiocese e à PJ do Rio Grande do Sul para juntos/as nos mobilizarmos no socorro e cuidado com os/as feridos/as e com as famílias dos/as falecidos/as.

Igualmente manifestamos nossa solidariedade e apoio a todos/as, que doando suas vidas, estão contribuindo no cuidado, no atendimento e no socorro aos/às feridos/as e às famílias dos/as falecidos/as.

Convocamos toda a sociedade brasileira a ser cuidadora da vida da juventude, promovendo ações pela vida, efetivando políticas públicas de juventude e garantindo os direitos dos/as jovens em nosso país.

Diante da morte não podemos nos calar. Não podemos aceitar que a morte tenha a última palavra. Aprendemos a ter esta postura por meio do seguimento a Jesus Cristo, o Jovem de Nazaré. Que a memória desses jovens falecidos/as e feridos/as nos comprometa sempre mais com a vida da juventude, em especial com os/as que mais sofrem e estão à margem da sociedade. Gastemos nossas vidas no cuidado, no serviço e no amor incondicional à juventude.

Na Páscoa de Cristo temos a certeza que a morte não tem a última palavra, por isso, apesar da dor e da tristeza, sigamos, juntos/as, no compromisso com a vida da juventude. A Juventude Quer Viver!

Coordenação Nacional e Comissão Nacional de Assessores/as da Pastoral da Juventude

Clique aqui e veja a proposta de ODJ para celebrar em memória às vítimas.

Compartilhe

Subir

1 Comentário »

1 Comentário »

  • Daniela disse:

    toda essa dor é fruto de tantas injustiças ,impunidades que acontecem a todo momento no BRASIL inclusive do jovem assasssinado em fortaleza neste final de semana, neste momento muitos da educação, da saúde, fazem as mesmas tranbicagens assassinando inocentes ocultamente e a sociedade so vera isto quando uma chacina acontecer ou seja mais de 10 morrer no mesmo dia ou local.na Argentina aconteceu o mesmo MAS o povo fez diferente e conseguiu pelo menos valer tantas lagrimas e dor derramadas…todo ano um GRITO ALARMANTE ACONTECE EM JANEIRO, PARA que POSSAMOS sair de nossas igrejas e ir para ruas lutar protestar sem cessar , mas passa um mes e nao acontece nada fica a dor da familia.lembram das vitimas das enchentes do Rio em petropolis, morro do jumbo,o gado da seca, povo do nordeste? só lembranças!


Deixe seu Comentário

Nome (necessário)

E-mail (não será publicado) (necessário)

Website

Atualidades

Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, Alto Alegre realiza Festejo

Equipe da 5º Urgência da Região Nossa Senhora da Conceição promove encontro sobre Reforma Trabalhista

Alto do Moinho, em Canindé realiza festejo a seu Padroeiro

São Luís Gonzaga

Muticom de Férias acontecerá em Maranguape (CE)


QR Code Business Card