Atualidades

[Artigo] Natividade de Nossa Senhora

                              Natividade de Nossa Senhora

O nascimento de Nossa Senhora ou a Natividade de Maria é uma festa litúrgica da Igreja Católica celebrada no dia 8 de setembro, nove meses após a sua Imaculada Conceição. É interessante notar que a Igreja celebra a natividade de somente três pessoas: Cristo, São João Batista e Maria, mãe de Jesus. O nascimento de Cristo e de São João Batista encontram referências no Evangelho, ao passo que a Sagrada Bíblia não dá notícia alguma da natividade de Maria Santíssima. Celebramos com imensa alegria o nascimento da Virgem Maria que é modelo de Evangelho, de seguimento de Cristo, é a primeira criatura humana a tornar-se discípula- missionária de seu Filho Jesus.padre-Brendan200

Se tivermos que citar uma fonte que confirme o nascimento da Virgem Maria, devemos nos aproximar do primeiro relato que se pode encontrar que é o chamado apócrifo Protoevangelho de Tiago, o qual narra o nascimento de Maria em Jerusalém, lugar no qual, entre os anos 4000 e 600, diversos testemunhos falam de uma basílica em honra de Maria, perto da piscina Probática, ao norte do recinto do templo; após o ano 603, o famoso patriarca Sofrónio afirmou que esse é o lugar onde nasceu de fato a Virgem Maria. Dados que mais tarde a própria arqueologia viria a confirmar.

Esta festa tem sua origem em Jerusalém. Começou a ser celebrada no século V como festa da Basílica Sanctae Mariae ubi nata est,  atualmente conhecida como Bascílica de Santa Ana. No século Vll, já era celebrada pelas igrejas bizantinas e em Roma, como festa do nascimento da Bem-Aventurada Virgem Maria. A festa foi incluída no Calendário Tridentino em 8 de setembro e permanece, até hoje, nesta data. De acordo com a tradição, Maria nasceu de pais velhos e estéreis, chamados Joaquim e Ana, como resposta às suas preces. Eram residentes em Jerusalém, ao lado da piscina de Betesda, onde hoje se ergue a Basílica de Santa Ana; e aí, num sábado, 8 de setembro do ano 20 a.C., nasceu-lhes uma filha que recebeu o nome de Miriam, que em hebraico significa “Senhora da Luz”, passado para o latim como Maria. Maria foi oferecida ao Templo de Jerusalém aos três anos, tendo lá permanecido até doze anos.

Apesar do fato que nenhum acontecimento extraordinário acompanhou o nascimento de Maria e os Evangelhos nada dizem sobre sua natividade. O grande São João Damasceno afirmou que o nascimento a partir de uma mãe estéril já era um sinal das bênçãos especiais que recaem sobre Maria.

Pe. Dr. Brendan Coleman Mc Donald

Redentorista e Assessor da CNBB Reg. NE1

 

Compartilhe

Subir

Seja o primeiro a comentar »

Seja o primeiro a comentar »


Deixe seu Comentário

Nome (necessário)

E-mail (não será publicado) (necessário)

Website

Atualidades

Festejo do Padroeiro movimenta Paróquia de Cristo Redentor

A Paróquia no bairro Dunas festejará Nossa Senhora de Lourdes com um tríduo

Pascom Região Nossa Senhora dos Prazeres realizou encontro de Planejamento para 2018

Comunidades de Vida Cristã estão em Fortaleza para mais uma edição do “Amar e Servir”

Discursos do Papa Francisco no Chile


QR Code Business Card