Atualidades

Em Romaria celebramos e afirmamos: O Testemunho dos Mártires em defesa da Terra, Água e Dignidade!

“Javé, Deus Libertador, olha para teu sertão.
Vê nosso bioma agredido, vê o caos de nossas cidades;
Escuta o grito da terra presa, em dores de parto,
e do povo sem terra,vem conosco caminhar!”
Pe Machado

Lia Lima, Secretária Executiva da CPT Ceará

No domingo, 07 de agosto de 2011, a cidade de Itapipoca, irá acolher a 15ª Romaria da Terra, cujo lema é: “No Testemunho dos Mártires: Terra, Água e Dignidade!”

Nossa expectativa, como Pastoral da Terra, é que a Romaria seja um momento forte, para celebrarmos um lindo encontro, entre os irmãos e irmãs, de todos os recantos do Estado do Ceará, com os moradores da cidade de Itapipoca. Encontro para continuarmos reforçando os desejos comuns: de garantia de acesso a terra, de condições de moradia com qualidade, de água com saneamento, de emprego, de escolas que no seu currículo considere a realidade local, de políticas públicas, de vida digna!

Neste tempo de preparação nas comunidades e durante a Romaria, queremos lembrar: O martírio de camponeses e camponesas que tombaram na luta por Terra e vida digna; Denunciar os impactos provocados pela implantação dos grandes projetos no Ceará; Contribuir no processo de fortalecimento das comunidades tradicionais, quilombolas e indígenas; Celebrar e tornar visível as conquistas na luta por terra, água e dignidade; Fortalecer a religiosidade popular e romeira, raiz profunda do povo cearense.

A Romaria é espaço para afirmação e ou renovação do nosso compromisso com: A realização de uma grande celebração do anúncio da boa nova da esperança como ação de graça pelas iniciativas que nascem dos povos que vivem nas comunidades urbanas e rurais; A luta pela vida no semiárido; A luta em defesa da história e da cultura dos povos indígenas e seus remanescentes, povos afro-brasileiros, camponeses e camponesas, pescadores artesanais, jovens e pessoas idosas do campo; A garantia dos direitos das famílias impactadas pela especulação imobiliária e fundiária; A luta em defesa dos Direitos Humanos, Econômicos, Sociais, Culturais e Ambientais das populações atingidas pelos grandes projetos; A promoção de uma educação pública contextualizada a partir da realidade nordestina; A luta pela Reforma Agrária e pelo acesso à água, sempre sob uma perspectiva bíblica; As organizações camponesas, para que estas venham a assumir e defender projetos que visem à melhoria de qualidade de vida, com dignidade, das famílias; A veiculação de denúncias das várias formas de injustiça e violência sofridas pelos camponeses e as camponesas; A viabilização do intercâmbio entre as romeiras e romeiros que virão de todo o Estado.

Cores variadas estarão representando as nove dioceses do Estado do Ceará. A Diocese de Itapipoca com a cor laranja nos remete ao final de tarde, pôr-do-sol radiante em nosso lindo e querido Ceará. Crato com a cor amarelo-ouro, lembra-nos das riquezas que existem no nosso rico subsolo. A diocese de Quixadá será representada pelo vermelho que irradia e dá energia para lutar e não desanimar. Crateús terá como referência o lilás terno, que nos remete a feminilidade, a questão de gênero, homens e mulheres de mãos dadas lado a lado. Sobral, terra de Ibiapina trazendo a cor branca pede paz e que cesse a violência entre os homens. A arquidiocese de Fortaleza destacará a cor verde das nossas matas, que produz o oxigênio que respiramos, renovando o dia-a-dia. A diocese de Iguatu com a cor marrom, fará presente a terra, onde se produz o alimento e a essência da vida. Tianguá se destacará pela cor prata, que nos faz recordar a água a brotar e, o brilho e alegria da festa. E por fim, Limoeiro do Norte com a cor azul trás a harmonia entre os povos, as diversas culturas e etnias.

Para este dia estamos propondo a seguinte programação:

4:00 a 6:00 – Chegada e acolhida dos Romeiros e Romeiras da Terra, na Igreja de São Sebastião, situada na Av. Anastácio Braga;

7:00 – Caminhada da Igreja de São Sebastião, com parada próximo ao Horto do Cruzeiro;

9:00 – Deslocamento para as tendas litoral/água, sertão/terra e serra/dignidade; no Parque de Exposição.

13:30 – Deslocamento das tendas para a praça da Igreja de Nossa Senhora das Mercês, padroeira de Itapipoca;

14:00 – Apresentações culturais com os artistas da caminhada;

15:00 – Celebração Eucarística, benção e envio dos Romeiros e Romeiras da Terra as suas comunidades de origem.

Convocamos aos homens e mulheres deste nosso querido Ceará a participar deste dia de celebrações, reencontros, de anúncio das boas novas, denúncias das injustiças e de desrespeito aos direitos Humanos, Econômicos, Sociais, Culturais e Ambientais.

Nas horas de Deus Amém, que os Sertões, Serras e Litorais, sejam espaços onde os camponeses e camponesas possam viver dignamente, experimentando novas formas de produzir e viver e espalhem essas boas notícias que brotam a partir de novas práticas de convivência com o semiárido cearense.

NO TESTEMUNHO DOS MÁRTIRES: TERRA, ÁGUA E DIGNIDADE!

Lia Lima, Secretária Executiva da CPT Ceará

Compartilhe

Subir

Seja o primeiro a comentar »

Seja o primeiro a comentar »


Deixe seu Comentário

Nome (necessário)

E-mail (não será publicado) (necessário)

Website

Atualidades

Planilha de contribuição das paróquias e das áreas pastorais: outubro de 2017

Festa da Paróquia Nossa Senhora das Graças – Santa Maria

“I Aviva Povo de Deus”

Paróquia Nossa Senhora das Graças e São Pedro na Praia da Tabuba, em Caucaia – CE.

Material que foi veiculado no Jornal JCTV na Rede Vida de Televisão


QR Code Business Card