Atualidades

Cristo Redentor recebe iluminação especial para saudar a JMJ RIO2013

Quem olhou para o Corcovado na noite de ontem, 6, viu um show de luzes e cores. Um dos principais cartões postais do país, o Cristo Redentor, foi iluminado com as cores das bandeiras de 150 países que deverão participar da Jornada Mundial da Juventude (JMJ) RIO2013. O evento trará o papa Bento XVI ao Rio de Janeiro entre os dias 23 e 28 de julho de 2013.

A ação tem por objetivo despertar a curiosidade dos jovens do mundo inteiro para o lançamento da logomarca oficial da JMJ, que será apresentado hoje, às 19h30, no auditório do Edifício João Paulo II, na Glória, onde fica a sede do Comitê. O evento contará com a presença de mais de 100 bispos de todo o Brasil, além de autoridades e representantes da sociedade.

A expectativa é grande em torno da divulgação do símbolo de um dos maiores eventos que o Brasil irá sediar. Na ocasião, o presidente do Comitê Organizador Local (COL/Rio) e arcebispo do Rio de Janeiro (RJ), dom Orani João Tempesta, irá apresentar também o autor da logo, que foi escolhida através de concurso.

Reunião

Representantes de mais de 120 colégios e de todas as instituições de nível superior participaram do encontro que reuniu as entidades educacionais católicas da arquidiocese do Rio de Janeiro (RJ) e das sub-sedes da Jornada Mundial da Juventude (JMJ) RIO2013 (arquidiocese de Niterói e dioceses de Duque de Caxias e Nova Iguaçu) e os membros do Comitê Organizador Local (COL) da Jornada.

A reunião, coordenada pelo presidente do COL e arcebispo do Rio, dom Orani João Tempesta, foi realizada no dia 4 de fevereiro, no auditório do Edifício João Paulo II, sede da arquidiocese do Rio de Janeiro. O bispo de Nova Iguaçu, dom Luciano Bergamin, também esteve presente.

Os participantes puderam conhecer um pouco mais sobre o que é uma Jornada e receberam informações sobre a última JMJ, realizada em agosto de 2011, em Madri, na Espanha. “De uma certa forma estaremos influenciando o presente e o futuro de todo o mundo. Esses jovens irão levar a experiência de Deus, do encontro com Jesus. Para todos nós é uma grande missão. E também um bem para toda a sociedade”, afirmou dom Orani sobre a importância da JMJ.

O arcebispo lembrou que o Brasil já está vivendo a Jornada através da peregrinação dos Símbolos, a Cruz Peregrina e o Ícone de Nossa Senhora, pelas dioceses do país. Ele explicou também como é a organização do COL e de todos os envolvidos na preparação da JMJ RIO2013.

Alguns dos representantes dos setores do COL falaram de suas atividades. Padre Ramon Nascimento, coordenador do Setor de Voluntários, explicou como é o trabalho e solicitou que cada entidade escolha um coordenador interno para que essa pessoa seja o contato de referência com o Comitê.

Um dos responsáveis pelo Setor de Preparação Pastoral, diácono Arnaldo Rodrigues, apresentou o que são as catequeses que acontecem durante a Jornada e como serão preparados os subsídios. Ele destacou a necessidade da oração e convidou todas as instituições e congregações a realizarem momentos de intercessão pela JMJ.

Irmã Graça Maria, que Coordena o Setor de Hospedagem, detalhou todos os aspectos relativos à acolhida de voluntários e peregrinos e como é necessário mapear todos os espaços que possam ser utilizados.

“É tempo de unir, tempo de somar. Será um tempo de graça. Multipliquem essas informações”, disse o coordenador da Associação Nacional de Educação Católica do Brasil (Anec-RJ), professor Tarcísio Basílio, ao se pronunciar no encerramento do encontro sobre a necessidade de união e participação de todas as instituições para o pleno êxito da Jornada.

Voluntários

“Podem se alojar, a casa é nossa”. Foi assim que as mais de 160 pessoas que compareceram no último sábado, 4, ao Edifício João Paulo II para a primeira reunião de formação dos coordenadores de voluntários da Jornada Mundial da Juventude RIO2013 foram acolhidas.

O setor de voluntários, coordenado pelo padre Ramon Nascimento, é a porta de entrada para todos os que querem colaborar com os trabalhos da Jornada. Através da recepção, da formação e da capacitação caberá aos coordenadores paroquiais promover o voluntariado e conseguir cerca de 60 mil voluntários, sendo 45 mil diocesanos.

A inscrição para voluntários continua, basta acessar o site oficial da JMJ RIO 2013. Não perca essa oportunidade de ter um encontro maior com Deus e de trabalhar pra Ele. Faça a sua parte, não deixe essa chance passar.

Fonte: CNBB

Compartilhe

Subir

Seja o primeiro a comentar »

Seja o primeiro a comentar »


Deixe seu Comentário

Nome (necessário)

E-mail (não será publicado) (necessário)

Website

Atualidades

Lutero e sua marca na História

Inauguração da Centro de Evangelização do Shalom Bela Vista

Papa Francisco pede fim de armas nucleares

Presidente da CNBB foi nomeado pelo Papa Francisco como Relator Geral do Sínodo 2018

Editorial – novembro 2017: “Ano do Laicato no Brasil”


QR Code Business Card