Atualidades

CNBB participa da audiência pública realizada pela Subcomissão Temporária de Políticas Sociais sobre Álcool, Crack e outras Drogas, no Senado Federal

Dom Irineu Danelon, bispo de Lins (SP) e responsável pela Pastoral da Sobriedade

O bispo de Lins (SP), dom Irineu Danelon, foi o convidado da audiência pública realizada nesta terça-feira, 28, pela Subcomissão Temporária de Políticas Sociais sobre Álcool, Crack e outras Drogas, no Senado Federal, para ouvir a experiência de Movimentos Sociais na prevenção à dependência química. Ele, que representou a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), destacou esta luta pela vida como um objetivo pessoal e cobrou o apoio do governo para políticas de prevenção e tratamento de dependentes químicos.

Dom Irineu destacou que a Igreja, como uma grande “mãe”, jamais poderia se abster desse tema. “A droga é uma onda de óleo que invadiu todas as praias de todas as camadas sociais. É um fenômeno complexo e urgente”, definiu.

Ele comparou os altos custos em presídios e presos – sem resultados efetivos – aos baixos investimentos com resultados positivos através das comunidades terapêuticas e clínicas de tratamento. “A construção de um presídio custa cerca de R$ 25 milhões. Com esse dinheiro, eu construiria umas 30 comunidades terapêuticas. A manutenção de cada uma delas custa cerca de R$ 15 mil, com resultados extraordinários”, frisou.

Dom Irineu destacou o trabalho realizado pela Pastoral da Sobriedade, que ele coordena, e entregou exemplar do livro Programa Vida Nova, uma experiência de oito anos, ao senador Wellington Dias, presidente da Subcomissão. O bispo defendeu o apoio do governo federal a instituições de tratamento de dependentes e se declarou chocado com a tentativa de liberalização da maconha. Para ele, o alcoolismo é outra “peste” a ser enfrentada pela sociedade.

O bispo insistiu que o trabalho da Pastoral da Sobriedade não é apenas recuperar o dependente químico dos vícios, “mas dar a ele a consciência de vida nova”. “O melhor remédio (para recuperar o dependente) é a acolhida, incluindo a acolhida de Deus. O amor é nossa terapia”, disse.

Dom Irineu, que estava acompanhado do padre Geraldo Martins, citou o Chile como modelo de prevenção às drogas, através do apoio ao esporte, música e educação de qualidade para todos. E propôs à Subcomissão conhecer as experiências em execução naquele país, o que foi prontamente aprovado.

Os senadores Waldemir Moka (PMDB-MS), Ana Amélia (PP-RS) e Eduardo Amorim (PSC-SE) participam do debate.

Proposta
O presidente da Subcomissão, senador Wellington Dias (PT-PI), informou aos demais integrantes que a presidente Dilma Rousseff criou um grupo interministerial para que, em 30 dias, apresente uma proposta para facilitar o diálogo do governo com as comunidades terapêuticas voltadas ao combate às drogas.

Wellington Dias disse ainda que espera encerrar o ciclo de debates sobre dependência química em julho e iniciar em agosto a elaboração de uma proposta com base nos depoimentos colhidos nas audiências públicas realizadas.

O senador Magno Malta (PR-ES) também foi convidado para a audiência, para representar a Igreja Batista, mas não pode participar.

Audiências
Esta foi a oitava audiência pública da Subcomissão. Nesta terça, a Casdep aprovou a realização de um novo debate, desta vez para ouvir o juiz federal do Mato Grosso do Sul Odilon de Oliveira. Ele deverá explicar a destinação a ser dada aos bens apreendidos nas operações de tráfico de drogas e a possibilidade de destinação dos valores arrecadados para auxiliar nas medidas repressivas ao tráfico e ao consumo de substâncias causadoras de dependência química.

Também foi aprovado um requerimento para que a subcomissão faça duas visitas na Bahia: uma ao Centro de Estudos e Terapia do Abuso de Drogas (Cetad), da Universidade Federal da Bahia, e outra ao Centro de Atenção Psicossocial-Álcool e Drogas, em Salvador.

Foto: Site do Senado Federal

Compartilhe

Subir

Seja o primeiro a comentar »

Seja o primeiro a comentar »


Deixe seu Comentário

Nome (necessário)

E-mail (não será publicado) (necessário)

Website

Atualidades

Barra do Ceará realiza festividade em honra a São Pedro

Festa de São Pedro na Comunidade de Pabussu, Caucaia

Itinerário Catequético (II)

Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, Alto Alegre realiza Festejo

Equipe da 5º Urgência da Região Nossa Senhora da Conceição promove encontro sobre Reforma Trabalhista


QR Code Business Card