Atualidades

 Ano Mariano: Algumas recomendações pastorais

Sua Eminência Cardeal Odilo Pedro Scherer, Arcebispo Metropolitano de São Paulo, escreveu uma Carta Pastoral à Arquidiocese de São Paulo por ocasião do Ano Mariano Nacional 2016-2017, titulada “Viva a Mãe de Deus e nossa!”. Neste valioso opúsculo sua Eminência nos apresenta   algumas recomendações pastorais para o Ano Mariano Nacional tendo em consideração a relação profunda entre Maria e a Igreja de Cristo.

As paróquias podem celebrar as Missas de Nossa Senhora, nos sábados, que é um costume devocional aprovado e recomendado pela Igreja. Obviamente essas missas devem ser de manhã, porque a missa no final da tarde do sábado, normalmente deve ser a do domingo. Durante este Ano Mariano um grande número de dioceses e paróquias promovem peregrinações aos santuários e Igrejas dedicadas a Nossa Senhora Aparecida, como o próprio Santuário Nacional de Aparecida.

Entre as varias práticas devocionais recomendadas durante este Ano Mariano é a Recitação do Santo Rosário uma devoção muita difundida e enormemente querida pelo povo católico. O papa São João Paulo ll ampliou para quatro o conjunto dos Mistérios de Jesus Cristo, de Maria e da Igreja. O mesmo santo na sua Carta Apostólica “Rosarium Virginis Mariae” disse que o Rosário é uma “escola do Evangelho,  onde Maria é a mestra que nos fala sobre Jesus e nos leva ao seu encontro”. O chamado “Terço dos Homens”, que é uma nova prática que se vai difundindo sempre mais no Brasil é algo que está trazendo muitas bênçãos aos homens e suas famílias.

Há algumas orações que fazem parte das orações diárias dos católicos como “O Anjo do Senhor”, e a “Salve Rainha” devem ser aproveitadas também neste período mariano. Especialmente, antes da bênção final nas missas dominicais, os sacerdotes devem recitar  com o povo a oração “O Anjo de Senhor”, ou no tempo pascal a “Regina caeli”. Dom Odilo no seu livrinho fala sobre a “Consagração a Nossa Senhora” que é uma devoção recomendada pela Igreja e enfatizando quem se confia à Mãe de Jesus nunca será desamparado por ela. No mês de maio (O Mês de Maria) e Outubro haverá devoções  populares especiais nas paróquias sobre Maria.

Finalmente, Dom Odilo nos lembra de que nos templos católicos nunca deve faltar uma bela imagem, ou um belo quadro de Nossa Senhora em lugar adequado e digno. É recomendável também que nas residências católicas haja sempre uma imagem ou quadro de Nossa Senhora em lugar de honra.

Pe. Brendan Coleman Mc Donald, Redentorista e Assessor da CNBB Reg. NE1

Compartilhe

Subir

Seja o primeiro a comentar »

Seja o primeiro a comentar »


Deixe seu Comentário

Nome (necessário)

E-mail (não será publicado) (necessário)

Website

Atualidades

Região Nossa Senhora da Assunção promove Encontro para Catequistas

Liturgia Diária: Evangelho – Mt 13,10-17

A História fecundada por Deus

Palestra sobre Depressão

Papa dedica tweet aos avós: comunicar o patrimônio de humanidade e fé


QR Code Business Card